segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

Áudio revela que morte de detentos no presídio teria sido ordenado por facção criminosa

Um áudio  que circula nas redes sociais é a chave para a Polícia esclarecer a morte de dois presidiários neste fim de semana. O caso ocorreu no Centro de Tragem Criminológica da Secretaria da Justiça e Cidadania (Sejus), situado em Caucaia. Os detentos teriam supostamente morrido de overdose. No entanto, através da gravação fica nítido que ambos foram mortos por ordem de uma facção criminosa.
Os dois detentos encontrados mortos na manhã deste domingo (21), foram identificados como Elton Ribeiro de Sousa e Ênio Goes Teles. Ambos respondiam por crime de tráfico de drogas. Elton também era acusado de um assassinato.
E foi justamente por este homicídio, ocorrido no bairro Serviluz, que os dois homens podem ter sido executados, sendo obrigados a ingerir uma espécie de coquetel que mistura cocaína a outros produtos químicos e até mesmo  veneno.
Os cadáveres foram encontrados dentro de uma cela depois que os agentes penitenciários foram chamados por outros internos. Segundo uma perícia preliminar, em ambos os corpos não havia sinais aparentes de espancamento outro tipo de agressão.
Quebraram
No áudio posto das redes sociais, um preso diz que  os dois homens serão mortos porque teriam “quebrado” o pacto que foi feito no bairro Serviluz. Ele se refere, supostamente, a uma trégua dos homicídios determinado pelos chefes de uma facção criminosa que teria assumido o controle do tráfico de drogas naquele setor da cidade, reunindo num só comando várias gangues que antes eram rivais e que viviam trocando tiros e deixando mortos em bairros como Serviluz, Cais do Porto, Praia do Futuro, Conjunto Santa Terezinha, Favela das Placas, Lagoa do Coração e outras comunidades da zona Leste da Capital.
Há cerca de duas semanas, as gangues comemoraram com uma carreata e um buzinaço pelas ruas daquela região a suposta “união pela paz” determinada pelo Comando Vermelho (C.V.). 
Ceará News

VIOLÊNCIA SEM FIM Balanço parcial: violência no Ceará deixa 46 mortos durante o fim de semana

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará 2017 - 4.530 - Atualizado em 20/11/2017     Guarciaba do Norte e Nova Russas registraram duplos hom...