sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

CEARÁ PACÍFICO? Em apenas um ano e dois meses do governo de Camilo Santana, 20 policiais cearenses foram mortos no Ceará

Camilo de boina do BPChoqueCamilo não conseguiu ainda em seu governo reduzir a violência armada no Ceará
Em apenas um ano e dois meses à frente do Palácio da Abolição, o governador Camilo Santana (PT), já amarga o recorde de ser o chefe do Executivo com maior número de policiais assassinados no Estado no menor intervalo de tempo. Foram, nada menos, que 20 agentes da Segurança Pública executados sumariamente em exatos 50 dias, uma média de um agente morto à cada 10 dias.
O clima nos quartéis é de revolta e indignação. Nas redes sociais houve até quem conclamasse a tropa a dar início a uma paralisação das atividades, em protesto diante da violência armada que atinge os membros da Corporação. Apontam o silencia e a falta de atitudes do governador e do secretário da Segurança Pública e Defesa Social, Delci Teixeira, pelo aumento da violência no estado e a intimidação aos agentes.
Na semana passada, Camilo Santana e Delci Teixeira foram expulsos do velório de um policial militar pertencente ao Batalhão Raio, morto durante uma tentativa de assalto no bairro Pici, em Fortaleza. Tratava-se do soldado Augusto Herbert Félix.
Hoje, a vítima foi o subtenente PM Carlos Herbênio Rodrigues, comandante do Destacamento da PM do Município de Jaguaretama (a 241Km de Fortaleza).
Em 2015, primeiro ano da gestão de Camilo Santana, 10 policiais militares e cinco policiais civis foram assassinados no Ceará. Já neste ano, em apenas 50 dias, já são cinco agentes  mortos.
Veja agora a lista completa dos policiais mortos em 2015 e 2016:
POLICIAIS MORTOS NO CEARÁ EM 2015
01 (14.01) – Soldado PM SAMUEL RODRIGUES TABOSA, morto em tentativa de assalto na porta de casa, no Conjunto Prefeito José Walter.
02  (28.01) – Inspetor da Polícia Civil TONY ÍTALO LIMA PINHEIRO. Baleado em uma tentativa de assalto na Rua Monsenhor Salazar, no bairro São João do Tauape. Morreu três dias depois.
03  (02.03) – Soldado PM SELBIANO FREIRE BARROSO, morto em um assalto nas dependências de um cartório no bairro Maraponga.
04 (08.06) – Inspetor da Polícia Civil ANTÔNIO MÁRCIO RIOS DE SOUSA, morto a tiros por bandidos durante assalto a uma lan house no bairro Monte Castelo , em Fortaleza.
05  (12.06) – Inspetora da Polícia Civil MARIA GORETE DE OLIVEIRA, assassinada a tiros por um assaltante na Avenida José Leon, no bairro Parque Manibura.
06  (24.06) – Soldado PM DOUGLAS DOS SANTOS SILVA, assassinado por bandidos na Rua Riacho Doce, no bairro Mondubim. Caso sob investigação 
07 (31.07) - Subtenente PM JESSÉ  DE MOURA FREIRE NETO, assassinado durante uma tentativa de assalto no Centro de Fortaleza.
08 (03.08) – Sargento PM LUCIANO TAVARES SIMÕES, 64 anos, da reserva, é assassinado e tem o corpo carbonizado na cidade de Russas.
09 (14.08) – Soldado PM CÍCERO SOARES falece em decorrência de tiros sofridos aos reagir a um assalto em um supermercado na cidade de Barbalha, no dia 4.8.2015
10 (29.08) – Ex-sargento PM JOÃO AUGUSTO DA SILVA FILHO, conhecido por “Joãozinho Catanã”, é assassinado, a tiros, na porta de sua casa, no bairro Dom Lustosa. A Polícia suspeita de um caso de vingança. Ele era suspeito de chefiar uma milícia ligadas à  vigilância clandestina.
11 (08.09) – Sargento da Reserva da PM, LUÍS GOMES PLÁCIDO, 54 ANOS, assassinado a golpes de faca em um suposto crime passional na localidade de Garrote, no Município de CAUCAIA. O acusado, Fernando Antônio Sousa Dias, preso em flagrante.
12 (08.10) – Escrivão da Polícia Civil do Ceará, PAULO ROBERTO COSME BEZERRA, 44 anos, lotado na Delegacia Municipal de Pacajus, foi assassinado, a tiros, quando se encontrava em um restaurante na Avenida Washington Soares, no bairro Messejana. Suposta pistolagem.
13 (11.11) – Soldado da Polícia Militar, VALTEMBERG CHAVES SERPA,  destacado no 16º BPM (Messejana), foi morto, com um tiro na cabeça, durante uma tentativa de assalto no campo da Uniclinic, no bairro Lagoa Redonda.
14 (14.11) – Cabo da PM JOSÉ MARQUES FERREIRA, destacado no Tribunal de Justiça do Estado, tentou intervir no assalto a uma agência lotérica e foi morto a tiros. Crime ocorreu na Avenida Lineu Machado, no bairro João XXIII, em Fortaleza.
15 (31.12) – Policial civil do Distrito Federal, ANTÔNIO ROBÉRIO DE OLIVEIRA, cearense. Foi assassinado, a tiros, ao reagir a um assalto em BEBERIBE, onde passava férias com a família. Bandidos atiraram contra o agente.
POLICIAIS MORTOS NO CEARÁ EM 2016
01 (07.01) – HUDSON DANILO DE OLIVEIRA, 26 anos, policial militar, soldado, baleado por assaltantes durante uma ocorrência de roubo em uma fazenda na zona rural do Município de Jaguaretama. Morreu dois dias depois no IJF-Centro.
02  (19.01) – BENEDITO GOMES ASSUNÇÃO, 53 anos, policial militar, graduação de subtenente, baleado e morto durante uma briga de trânsito na cidade de Juazeiro do Norte. Dois suspeitos do crime foram presos em flagrante.
03 (28.01) – JOSÉ EUDES DA SILVA MONTE, 47 anos,  policial militar, na graduação de sargento, morto a tiros durante assalto a um coletivo no bairro Conjunto Ceará.
04 (12.02) – AUGUSTO HERBERT FÉLIX, 27 anos, policial militar, destacado no BPRaio, morto numa tentativa de assalto na Travessa Santo Amaro, no bairro Pici.
05 (19.02) – CARLOS HERBÊNIO RODRIGUES, graduação de subtenente, comandante do Destacamento da PM na cidade de Jaguaretama. Morto por bandidos quando fazia cooper.

Blog Fernando Ribeiro 

Nenhum comentário:

Postar um comentário