segunda-feira, 21 de março de 2016

Bugueiro é indiciado por homicídio culposo por morte de criança no CE

O bugueiro Antônio Wilemar Nunes dos Santos foi indiciado por homicídio culposo, quando não há a intenção de matar, por se envolver em um acidente que matou uma criança de oito anos na Prainha, em Aquiraz, Região Metropolitana de Fortaleza. O acidente foi no mês passado.

O menino era do Recife e visitava o Ceará com a família. Ele estava com o pai, a mãe e a irmã de 12 anos, quando o buggy tombou na subida de uma duna que dá acesso ao Riacho Maceió. A criança foi levada pra o hospital, mas não resistiu aos ferimentos. Na época, o pai disse que o motorista não prestou socorro.

O Departamento de Trânsito de Aquiraz informou que o motorista estava na lista de bugueiros da associação, mas a permissão estava suspensa por falta de documentação e vistoria no carro.

Acidente com buggy

A criança de oito anos morreu na Prainha, em Aquiraz, na Grande Fortaleza. O menino visitava o Ceará com a família, que é natural do Recife e estava hospedada no Porto das Dunas, praia próxima à àrea do acidente.

Pai, mãe e uma irmã de 12 anos estavam no veículo que tombou na subida de uma duna que dá acesso ao Riacho Maceió, de acordo com o órgão de trânsito do município. O casal havia contratado o passeio e um bugueiro dirigia o veículo. O motorista, que não tinha credenciamento regular para a atividade, fugiu e o carro foi apreendido e levado para a delegacia da cidade do vizinha, Eusébio.

Além da morte da criança, três pessoas sofreram ferimentos leves. O condutor do veículo deixou o local após o acidente e não compareceu à delegacia para prestar depoimento, previsto para a tarde deste sábado.


Em entrevista à TV Verdes Mares, a mãe de Wilemar afirmou que ele estava "abalado" com o acidente, sofreu ferimento na perna esquerda e tem suspeita de fratura em uma costela. Ele recebeu atendimento no hospital da cidade.

Do G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário