quinta-feira, 23 de junho de 2016

Bebê é abandonado pelos pais após nascer com o coração fora do peito


Uma criança, com apenas 100 dias de vida, conhecida apenas como An An, foi encontrada por um morador de rua e entregue ao hospital mais próximo na cidade de Chongqing, na China. De acordo com médicos, o bebê teria nascido com o coração fora do peito, problema denominado Pentalogia Cantrell. Acredita-se que, por esta razão, a criança tenha sido rejeitada pelos pais.

Segundo a entrevista para o Mail Online, depois de ser encontrado, o menino ficou sob a responsabilidade do hospital. Uma equipe de médicos e enfermeiros se revezaram para cuidar da criança, trocando suas fraldas e alimentando-o. A enfermeira Xue Yan afirma que, no ano passado, foram registrados por volta de 10 casos envolvendo a Pentalogia de Cantrell. Sendo o terceiro caso registrado naquele hospital.

A condição de An An dependia da realização de diversas cirurgias. Inclusive, em um dos procedimentos, os médicos tiveram que abrir o coração do garoto. Após cinco horas de cirurgia, a criança passa bem e está em fase de recuperação, a partir de agora poderá ter uma vida normal. Para a realização da operação, foram arrecadados cerca de 200.000 yuans por moradores locais. No entanto, o montante não é suficiente para cobrir o resto do tratamento. O Hospital aguarda para que os demais moradores se mobilizem para atenderem o caso.

De acordo com especialistas, a Pentalogia de Cantrell é considerada uma doença raríssima. No mundo todo, a cada um milhão de nascimento apenas cinco nascem com a doença. Segundo a National Organization For Rare Diseases, esta doença caracteriza-se por uma combinação de resultados negativos durante a formação do órgão que pode atingir o diafragma, as linhas serosas do coração, as paredes abdominais e o próprio coração. A condição ocorre em diversos estágios, enquanto alguns pacientes apresentam defeitos leves, outros apresentam graves complicações. Em casos graves, o coração é deslocado para fora da caixa toráxica, o que caracteriza a denominada Ectopia Cordis.

As principais causas da Pentalogia de Cantrell, permanecem desconhecidas ainda hoje. Na maioria dos casos, a enfermidade surge de repente, sem apresentar sintomas aparentes. Alguns médicos acreditam que a condição pode ser causada devido a alguma irregularidade na formação dos tecidos embrionários, no início da gestação. Em geral, costuma afetar tantos os meninos, quanto as meninas.

Fonte: massapéCeara

Nenhum comentário:

Postar um comentário