segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Nova onda de atentados deixa viaturas metralhadas, ônibus incendiado e delegacia atacada na madrugada de hoje


CEARÁ PACÍFICO???

Nova onda de atentados deixa viaturas metralhadas, ônibus incendiado e delegacia atacada na madrugada de hoje

 15/08/2016

AddThis Sharing Buttons

Viaturas da Polícia Militar foram atingidas a tiros em Itaitinga e Caucaia

Nova onda de ataques do crime organizado contra as forças policiais e ao transporte coletivo foi registrada entre a noite do domingo e o começo da madrugada de hoje (15) na Grande Fortaleza. No intervalo de apenas cinco horas, bandidos incendiaram um ônibus, atiraram contra duas viaturas da PM e ainda atacaram uma delegacia, disparando tiros e tocando fogo em veículos apreendidos.

Os atentados tiveram início por volta de 21 horas do domingo (14), quando desconhecidos atearam fogo em um ônibus que estava parado – sem passageiros - nas proximidades do terminal do Siqueira, na zona Sul de Fortaleza. Segundo informações colhidas pela Polícia, os bandidos fugiram do local em motocicletas.

Já no começo da madrugada, duas viaturas da PM foram atingidas a tiros. Uma delas, quando trafegava pela BR-116, no Município de Itaitinga. Logo depois, outra patrulha, a de prefixo RD-1147, do Ronda do Quarteirão, foi atingida a tiros em Caucaia. Bandidos fugiram em um veículo, mas foram perseguidos em um grande cerco da PM, que foi parar no Jardim Jatobá, no Grande Bom Jardim. Um casal suspeito foi detido.

Incêndio na delegacia

Já por volta de 2h30, o “alvo” dos criminosos foi uma delegacia da Polícia Civil na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Bandidos passaram atirando contra a fachada do 28º DP (Conjunto Novo Maracanaú). Logo depois, três carros que estavam apreendidos e estacionados no pátio da delegacia foram incendiados.

A retomada dos ataques aos transportes coletivos e unidades da Segurança Pública não foi ainda esclarecida, mas por determinação dos comandos das polícias Civil e Militar, as equipes de plantão neste feriado em Fortaleza estão em total alerta.

Por FERNANDO RIBEIRO




Nenhum comentário:

Postar um comentário