terça-feira, 9 de agosto de 2016

Oficial da PM faz manifestação contra governo e dirige protesto ao chefe de gabinete de Camilo Santana


Terça-Feira 9.8.2016 B 039Major Mateus citou Elcio Batista, chefe de gabinete de Camilo Santana, diante da falta de diálogo
Cansado de buscar justiça junto ao Poder Judiciário e ao governo petista de Camilo Santana, além de ser desprestigiado pelo Comando-Geral de sua Corporação, um oficial da Polícia Militar tomou uma atitude de coragem, mas que pode resultar em punição. Foi às ruas de Fortaleza protestar diante do radicalismo do governador e, principalmente, da descortesia e truculência do chefe de Gabinete do Palácio da Abolição, Élcio Batista.
O major PM Mateus se juntou a outros manifestantes que pedem apoio aos policiais cearenses diante da violência e da falta de diálogo com o governo estadual. Foi para um dos principais e mais movimentados cruzamentos da Aldeota e ali empunhou um cartaz onde se podia ler um recado público ao chefe de gabinete de Camilo Santana: “Sr. Élcio Batista, não quero favor, minha promoção é um direito”.
Como de praxe, nem o Governo do Estado, nem o Comando-Geral da PM se pronunciaram sobre o assunto.
Enquanto isso, nas ruas de Fortaleza, cresce a onda de protesto de policiais civis e militares  diante da violência que já deixou 18 policiais mortos, neste ano, no Ceará.
Acampar
Também na manhã desta terça-feira, representantes de entidades de defesa dos policiais civis e militares participaram de uma reunião com outras entidades de servidores públicos estaduais para finalizar os preparativos para um grande protesto que acontecerá no próximo dia 18. Servidores públicos de todos os órgãos estaduais deverão acampar na porta do Palácio da Abolição. O objetivo é pressionar o governador Camilo Santana (PT)  na luta pela reposição salarial. 

Blog Fernando Ribeiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário