quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Cenário de muita violência com ameaças, atentados e assassinatos no Interior às vésperas das eleições

CEARÁ PACÍFICO??? Cenário de muita violência com ameaças, atentados e assassinatos no Interior às vésperas das eleições

Nos últimos três dias, 34 pessoas foram mortas no Ceará, sendo 19 delas no Interior

Faltando menos de 72 para o início do pleito eleitoral do próximo domingo (2), o Interior cearense passa por momentos de tensão e violência. Somente nos últimos quatro dias (intervalo entre o domingo e a quarta-feira), nada menos que 34 pessoas foram assassinadas no estado e destas, 19 em municípios interioranos. O clima de acirramento político tem produzido atentados, ameaças e também mortes.  

Por conta desse clima de animosidade, o reforço policial que deveria ser deslocado nesta sexta-feira (30), foi antecipado para alguns Municípios onde a violência tem sido mais intensa. É o caso, por exemplo, da cidade do Icó  (a 375Km de Fortaleza), onde foi determinada uma “Operação Ocupação” com equipes policiais da Capital e até um helicóptero da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer), além de efetivos do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque) e do BPRaio.

Sem contar com tropas federais (Exército Brasileiro) nestas eleições, o Ceará deverá ter garantidas as eleições somente com efetivos estaduais (polícias Civil e Militar), além da própria Polícia Federal. Somente da PM, serão mobilizados 5.600 homens em um efetivo extra.

Na Região Metropolitana de Fortaleza, a maior preocupação é com o Município de Caucaia, onde o acirramento da campanha já produziu até assassinatos e as denúncias de compra de votos e de financiamento de campanha por parte de facções criminosas teriam por trás  sido ações de uma milícia armada.

Violentos

Outros Municípios que estão sendo alvo da ação redobrada do Tribunal Regional Eleitoral e das forças da Segurança Pública são: Sobral, Acopiara, Iguatu, Aiuaba, Saboeiro, Senador Pompeu, Mombaça, Quixadá, Juazeiro do Norte, Lavras da Mangabeira, Quixeramobim, Amontada e Boa Viagem.

Em Aiuaba, na Região dos Inhamuns (a 430Km da Capital), um vereador candidato à releição  foi executado a tiros na noite do último sábado (24), quando tinha acabado de participar de uma carreata seguida de comício na zona rural. O Município também já está com reforço policial desde o fim de semana passado. 

Por Fernando Ribeiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário