terça-feira, 13 de setembro de 2016

FORTALEZA: PRISÃO DE TRIO CRIMINOSO

POLICIAIS CIVIS DA DRF PRENDEM TRIO RESPONSÁVEL POR PELO MENOS OITO ARROMBAMENTOS DE CAIXAS ELETRÔNICOS E COM DIVERSOS MANDADOS DE PRISÃO EM ABERTO.

Três homens, naturais do Estado de Santa Catarina, suspeitos de arrombar caixas eletrônicos foram presos, nessa segunda-feira (12), em uma ação realizada pela Polícia Civil do Estado do Ceará, por meio da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF). O trio, que foi identificado após investigações da especializada, possui mandados de prisão em aberto nos estados de Alagoas, Goiás, Rio Grande do Norte e Pernambuco.

Rafael Alexandre de Almeida (29), o "Alemão", Ricardo Augusto de Almeida (31) e Rogério Said (30) estavam hospedados em um hotel na Avenida Abolição, no bairro Mucuripe, e foram capturados pelos policiais civis que faziam campana na região. Primeiro os agentes capturaram "Alemão", que foi abordado nas proximidades do Mercado dos Peixes. Em seguida os policiais prenderam Rogério Said que saía do hotel em um veículo e no momento da abordagem se identificou com nome falso. Após a captura da dupla, os policiais seguiram até o um dos quartos do hotel, onde capturaram Ricardo Augusto de Almeida. Ainda no quarto, os policiais apreenderam um vasto material utilizado pelo bando nos arrombamentos.

Foram apreendidos maçaricos, botijões de gás, cilindros de oxigênio, cabos e ferros de solda, pé de cabra, brocas, furadeira, bico de corte, máscaras e óculos de proteção, chaves de boca, braçadeiras de ferro, discos de corte, talhadeiras, entre outros apetrechos utilizados para violar os caixas eletrônicos, além de documentos e um veículo Honda Fit de placas LWD 5501.

Conforme as investigações, o grupo é responsável por oito furtos qualificados (por arrombamento) de caixas eletrônicos, sete de deles em Fortaleza e outro em Horizonte, ocorridos entre maio e setembro deste ano. São eles: Banco do Brasil, na Avenida Francisco Sá, bairro Carlito Pamplona, no último dia 11; Banco do Brasil, na Avenida Osório de Paiva, bairro Parangaba, no dia 04 deste mês; Banco do Brasil, na Avenida 13 de maio, Bairro de Fátima, no dia 02 de setembro; Banco do Brasil, na Rodovia BR 166, bairro Aerolândia, no dia 27 de agosto; Banco do Brasil, na sede da Vice-Prefeitura de Fortaleza, na Avenida Luciano Carneiro, bairro Vila União, no dia 11 de agosto; no Santander, na Avenida Desembargador Moreira, bairro Aldeota, no dia 31 de julho; no Santander, na Avenida Santos Dumont, bairro Aldeota, no dia 17 de julho; e Banco do Brasil, no município de Horizonte, no dia 05 de maio.

De acordo com o Delegado Raphael Vilarinho, titular da DRF, o trio já foi preso em ações semelhantes ocorridas nos Estados de São Paulo e Rio de Janeiro, além de também cometerem o mesmo crime em países vizinhos, como a Bolívia e o Chile. "Descobrimos que eles pretendiam se estabelecer no Ceará e praticar os crimes aqui e em Estados vizinhos. Eles são especialistas em arrombamento com uso de maçaricos, demoram cerca de cinco minutos para cometerem o crime", revelou Vilarinho.

O trio foi conduzido à sede da DRF, onde foi autuado em flagrante por furto qualificado (arrombamento), associação criminosa e resistência. Rogério Said também foi autuado por uso de documento falso. A Polícia segue investigando se eles possuem participação em outros crimes praticados em solo cearense.

Fonte: Ceará Metropolitano

Nenhum comentário:

Postar um comentário