terça-feira, 18 de outubro de 2016

Camilo Santana recebe policiais civis que resgataram crianças na Taíba.



TERÇA-FEIRA, 18 DE OUTUBRO DE 2016

Camilo Santana recebe policiais civis que resgataram crianças na Taíba.


Governador parabenizou os envolvidos na operação antissequestro. Detalhes do caso foram repassados durante a tarde.

O governador Camilo Santana recebeu, nesta segunda-feira (17), os agentes de segurança da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) e da Divisão Antissequestro (DAS) da Polícia Civil (PCCE), no Palácio da Abolição, em Fortaleza. Na ocasião, o chefe do Executivo parabenizou as equipes pelo exitoso resgate de duas crianças sequestradas por uma quadrilha, no distrito de Taíba, em São Gonçalo do Amarante.

“Eu os convidei pois queria agradecer e cumprimentar pessoalmente todos os envolvidos no planejamento dessa ação. O que os policiais civis fizeram não têm preço. Não tem como pagar a proteção de uma ou mais vidas, principalmente quando se tratam de crianças inocentes. Isso é resultado de um trabalho e compromisso que todos os senhores têm com a sociedade, além de se integrarem nesse desafio que é diminuir cada vez mais a violência no Estado”, disse o governador para cerca de 30 agentes presentes em seu gabinete.

Para Andrade Júnior, delegado-geral da PCCE, a equipe é considerada uma das melhores do Brasil pelo trabalho exemplar e integrado. “A Divisão Antissequestro (DAS) da Polícia Civil já tem dez anos de atuação no conflito com a violência em sequestros. São homens preparados. Posso dizer, sem medo, que somos um dos mais capacitados de todo o país. Especificamente sobre este caso, todos trabalharam em equipe e de forma exemplar", destacou o delegado-geral.

Estiveram presentes ao encontro os inspetores, delegados titulares e adjuntos das duas divisões, além do secretário Chefe do Gabinete do Governador, Élcio Batista; e o secretário Delci Teixeira, da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

O caso


Os detalhes do caso foram repassados na tarde desta segunda-feira (17), em coletiva de imprensa, por meio da Divisão Antissequestro (DAS). O responsável por planejar o crime é um empresário que estava com dívidas na empresa onde o pai de uma das crianças trabalha como diretor financeiro. Cinco pessoas foram presas no sequestro da última quinta-feira (13). 

Marcílio Mendonça Damasceno (26), que não possuía antecedentes criminais, é proprietário de dois frigoríficos na Barra do Ceará, e foi o responsável por planejar o crime. “Há um mês ele arquitetou o sequestro e arregimentou a mão de obra criminosa para o delito”, detalha o delegado Antônio Pastor, diretor da DAS, que esteve à frente da ação policial.

“Na quinta-feira à noite, identificamos o chefe da quadrilha, que no caso é o Marcílio. No outro dia de manhã, com um trabalho de inteligência, com a parceria da Delegacia de Roubos e Furtos, nós identificamos toda a quadrilha e iniciamos o plano de captura”, explica o delegado. O primeiro a ser preso foi Marcílio. No cativeiro, os policiais abordaram dois homens e duas mulheres, que são Antônio Samuel Matheus Soares Evangelista (21), Francisca Vitoria Gomes dos Santos (20) e Roseane Vasconcelos Rego (24), todos sem antecedentes criminais, além de Rafael Azevedo dos Santos (25), o "Borracha", que já responde por tráfico de drogas. Cada um tinha uma função específica no crime. De acordo com as apurações, as mulheres entraram no plano para não levantar suspeitas, agindo com os homens como se fossem casais comuns. Além disso, as presas tinham a incumbência de preparar a alimentação das crianças.

Com o grupo foram apreendidos dois revólveres e o material utilizado na ação criminosa. O bando foi autuado em flagrante por extorsão mediante sequestro, associação criminosa e porte ilegal de arma de fogo. A Polícia já identificou os outros dois envolvidos no delito.


Ação na Taíba

A Polícia Civil "estourou", na tarde da última sexta-feira (14), o cativeiro onde as duas crianças estavam sendo mantidas reféns. A casa de veraneio na praia da Taíba, em São Gonçalo do Amarante, na Área Integrada de Segurança 07, foi localizada após investigação policial.

Ainda na tarde do dia 14, as vítimas foram entregues aos seus familiares. “Eu sabia que vocês vinham!” foi a frase que emocionou os policiais, dita por uma das crianças, ao ver os agentes de segurança entrar na casa para salvá-las e correr para abraçá-los.

As vítimas foram arrebatadas no início da manhã dessa quinta-feira (13), quando chegavam a uma escola particular, na Praia de Iracema. Para o delito, os cinco homens utilizaram um veículo Monta de cor preta e um Fiesta vermelho. O pai de uma das crianças também foi arrebatado pelos criminosos no carro dele, porém foi libertado pouco tempo depois. A intenção dos bandidos era sequestrar ele e seu filho – uma das crianças levadas.

Fotos: Tiago Stile / Carlos Gibaja

Fonte: SSPDS

newstimece às 06:00 h

Nenhum comentário:

Postar um comentário