quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Veja depoimento de mulher que presenciou explosão de Note 7 em avião; Smartphone tinha sido trocado

Veja depoimento de mulher que presenciou explosão de Note 7 em avião; Smartphone tinha sido trocado

Caso aconteceu nos Estados Unidos, minutos antes da aeronave subir nesta quarta-feira (5)

    

16:27 · 05.10.2016 / atualizado às 16:37

Galaxy Note 7 de homem explode antes de avião decolar nos Estados Unidos ( Foto: Reprodução/The Verge )

Passageiros tiveram que sair da aeronave por causa do incêndio ( Foto: Reprodução/ USA Today )

A americana Anna Whites passou por um susto ao presenciar a explosão de um Galaxy Note 7, nos Estados Unidos, nesta quarta-feira (5). Ela relatou o episódio em entrevista ao Diário do Nordeste

> Identifique o Note 7 explosivo

> Galaxy Note voltará a ser vendido nos EUA antes do tempo previsto pela Samsung

> Samsung apresenta uma série de prejuízos por cauxa do Galaxy Note 7

O caso aconteceu no aeroporto deLouisville, cidade do estado americano de Kentucky, dentro de uma avião da companhiaSouthwest Airlines, por volta de 9h40 da manhã no horário americano.

Anna contou que o avião ainda não tinha decolado quando um homem, chamado Brian Green, sentado duas fileiras na sua frente, ligou seu Note 7 e, de repente, começou a sair fumaça do aparelho. A pessoa rapidamente jogou o smartphone o mais longe que podia. 

Ao perceber a situação, ainda de acordo com a americana, o piloto anunciou que havia um incêndio e pediu para os passegeiros deixarem suas malas e saírem rapidamente da aeronave. Apesar da tensão, os passageiros se mantiveram calmos durante toda a confusão.  

Ela disse que a cabine logo se encheu de fumaça e o telefone continuou queimando no chão. Umbombeiro do aeroporto e um investigador entraram na aeronave para ver se ainda era possível que ela decolasse. Quando viram que o avião precisaria de reparos, os passageiros foram realocados em voos durante o dia.

Segundo Anna, o dono do Note 7 relatou que o aparelho já tinha passado por um recall.

Homem confirmou troca

Alguns sites americanos repercutiram a notícia nesta quarta, como o Phone Area e USA Today. OThe Verge conversou com Brian, que confirmou que tinha trocado o smartphone por um novo no dia 21 de setembro na loja da operadora AT&T. 

Entenda

Explosões superaquecimentosprovocados pelo Galaxy Note 7 causaram acidentes relatados por vários usuários do celular. Por causa do problema, o smartphone ainda não é comercializado no Brasil. 

Nota

A Samsung divulgou uma nota para que os usuários do Note 7 troquem o smartphone o mais rápido possível. "Nossa maior prioridade é a segurança de nossos clientes e insistimos fortemente para que os usuários do Galaxy Note 7 participem de imediato do programa de substituição", informa o comunicado.

    

© Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário