segunda-feira, 24 de abril de 2017

APÓS REPERCUSSÃO Barraca da Praia do Futuro demite seguranças envolvidos em agressão a ambulante. Ambulante caiu na areia após receber um soco de um dos agressores.

Ambulante caiu na areia após receber um soco de um dos agressores
(Foto: reprodução)



 

Com a repercussão negativa e protesto marcado contra a barra Crocobeach, cujos seguranças estariam envolvidos em episódio de agressão a ambulante na Praia do Futuro, o complexo de lazer lançou nota de esclarecimento. O fato registrado em vídeo que circula nas redes sociais teria acontecido no último sábado, 22. Em nota, lançada nesta segunda-feira, 24, na página de Facebook, os responsáveis se dizem surpresos e afirmam terem "afastado todos os colaboradores alcançados na filmagem".

A barraca afirma ainda repudiar as agressões e estar contribuindo com as autoridades para a "responsabilização dos envolvidos".

O caso

O ambulante é vendedor de picolés da empresa Pardal e aparece no vídeo sendo mandado sair do local, já que, conforme os agressores, aquela seria uma área que pertence a eles. Em seguida ele é agredido com tapas, empurrões e soco, até cair na areia e ser ajudado por uma mulher.

Depois da divulgação do vídeo, a empresa tem recebido várias notas negativos e posts repudiando o ocorrido em sua fanpage. O recurso de avaliações, que indica que notas os usuários dão a barraca, foi desabilitado recentemente na rede social.

Um protesto contra ação violenta, intitulado Farofada Beach, foi marcado em evento no Facebook para o próximo domingo, 30, e já conta com ampla participação.

Leia nota de esclarecimento na íntegra

"Passada a surpresa do ocorrido e tendo a Crocobeach tomado conhecimento da situação, estamos trabalhando junto às autoridades competentes para responsabilização dos envolvidos.

Visando alcançar justiça e uma solução satisfatória à sociedade, a Crocobeach afastou todos os colaboradores alcançados pela filmagem do dia 22/04/2017.

Independente dos esclarecimentos e da apuração dos fatos, repudiamos o acontecido no sábado, assim como toda atitude da mesma natureza. Desde já nos solidarizamos e lamentamos o acontecido.

A Crocobeach pauta seu trabalho no respeito e na dignidade das pessoas, portanto não faz parte da nossa orientação e filosofia atos como o presenciado no último final de semana."

Redação O POVO Online 
Grupo de Comunicação O POVO