sábado, 22 de abril de 2017

CONJUNTO ESPERANÇA Na madrugada de sábado (22). Dois carros pegam fogo no 19º Distrito Policial, em Fortaleza. Segundo a polícia, dois carros ficaram destruídos. Ninguém foi preso.


Dois veículos foram incendiados na madrugada deste sábado (22), no pátio do 19º Distrito Policial, na Rua 101, no Bairro Conjunto Esperança, em Fortaleza. Segundo a polícia, dois homens em uma moto se aproximaram da delegacia, por volta das 2 horas da manhã, e atiraram coquetel molotov nos veículos. Dois carros ficaram destruídos. O 19º DP disse que uma equipe do Corpo de Bombeiros foi ao local para controlar as chamas. Ninguém ficou ferido.

O 19º DP informou também que a polícia vai estudar na manhã deste sábado as câmeras de segurança da delegacia. Por meio delas, segundo a polícia, será possível identificar os autores do incêndio. Até a manhã deste sábado, ninguém foi preso.

Caminhão da Enel incendiado em Fortaleza (Foto: Reprodução/TV Verdes Mares)

Caminhão da Enel

Um caminhão da Enel Distribuição Ceará foi incendiado na manhã desta sexta-feira (21) no Bairro Pajuçara, no município de Maracanaú, Região Metropolitana de Fortaleza. De acordo com o 29º Distrito Policial, o ataque ocorreu por volta das 9h15. Segundo informações repassadas para a delegacia, dois homens atearam fogo e, em seguida, fugiram em uma moto.

Entre quarta-feira (19) e quinta-feira (20), 23 ônibus foram queimados na Grande Fortaleza, uma agência bancária e três delegacias também foram alvo de ataques. Um motorista, um cobrador ficaram feridos e três suspeitos ficaram feridos e estão no hospital Dr. José Fota (IJF). Carta deixada no local de um dos ataques liga ações a mudanças nos presídios, no entanto, a Secretaria da Segurança diz que tem várias linhas de investigação. Dezessete suspeitos foram presos. Já a circulação de ônibus na capital voltou ao normal com policiamento reforçado.

Moradores viram ataque

Uma moradora que conversou com o G1 disse ter visto que quatro funcionários da empresa faziam reparos em um poste na Rua Bárbara de Alencar esquina com a Rua Oswaldo Rizato quando dois homens chegaram a pé. Eles ameçaram os funcionários com armas, ordenaram que saíssem e atearam fogo no veículo. Depois, os dois homens fugiram em uma moto que estava estacionada próxima ao local. A rua é bem estreita, segundo ela, mas o fogo não atingiu casas. A gasolina estava em um galão. A delegacia disse ter recebido informação de que dois homens que chegaram em uma moto, entraram no veículo, mandaram que os funcionário saírem e atearam fogo. Ninguém ficou ferido. Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada e ajudou a apagar as chamas.

Na quarta-feira, a Enel Distribuição Ceará, companhia de energia elétrica do estado, havia informado que durante os ataques aos ônibus, um carro da companhia foi incendiado e o outro atingido por disparos de arma de fogo no Bairro Cidade dos Funcionários. A companhia afirmou que repudia atos de violência.

Além dos 23 ônibus queimados, quatro carros da Enel foram atacados, dois da Cagece, um da Autarquia de Trânsito de Caucaia e um outro da Secretaria de Cultura.

Secretário da Segurança André Costa participou pela primeira vez da reunião, ao lado do governador Camilo Santana (Foto: Marinaldo Lemos/TV Verdes Mares)

'Terrorismo', diz governador

governador do Ceará, Camilo Santana, classificou os ataques como "terrorismo" e anunciou o reforço no policiamento. “O que está acontecendo é terrorismo e isso vai ser combatido. Estamos com o comando nas ruas comandando todas as ações desde ontem. Estamos com um grande efetivo nas áreas dos ataques, com o aumento do policiamento e com a presença das forças especiais do Raio e Choque. Nossa grande preocupação é a população”, destacou Camilo.

Cobrador ferido

Um cobrador de ônibus deficiente físico teve 90% do corpo queimado durante um ataque ao veículo em que ele trabalhava nesta quinta-feira (20), no Bairro Canindezinho, em Fortaleza. O cobrador foi socorrido em estado grave ao Instituto Dr. José Frota (IJF).

Material apreendido pela polícia; homens deixaram coquetéis molotov em empresa de ônibus (Foto: Fabrício Paiva/Diário do Nordeste)

Ataques a delegacias

Na noite de quarta-feira (19) e madrugada de quinta-feira (20), prédios públicos passaram a ser alvos na Grande Fortaleza. Três delegacias sofreram ataques. O primeiro ataque foi registrado, segundo a Polícia Militar, na Delegacia de Pajuçara. De acordo com a polícia, homens armados atiraram contra a vidraça da unidade. Ninguém ficou ferido. A polícia está investigando se foi o mesmo grupo que atacou uma agência bancária da Caixa Econômica Federal.

No 33º Distrito Policial no Bairro Goiabeiras, em Fortaleza, também houve ataque nessa madrugada. A polícia informou que quatro homens em duas motos disparam contra o distrito. A vidraça foi quebrada e o grupo conseguiu fugiu. Ninguém ficou ferido. A delegacia recebeu reforço da Polícia Militar.

E no 8º Distrito Policial, no Bairro José Walter, um carro foi incendiado. A polícia disse que dois homens chegaram e colocaram gasolina em um carro apreendido que estava estacionado no pátio. O veículo ficou destruído. Por sorte ninguém ficou ferido. O Corpo de Bombeiros foi chamado para apagar as chamas. Até a manhã desta quinta-feira, ninguém foi preso.

globo.com
© Copyright 2000-2017 Globo Comunicação e Participações S.A.

AGRESSÃO EM ESCOLA Promotora pedirá internação de estudante que agrediu professora em Santa Catarina. Como o aluno é reincidente, ela planeja "uma medida mais dura". O caso ocorreu nesta segunda-feira (21)

por Folhapress Marcia Friggi dá aulas de português em mais de uma escola de Indaial, há 12 anos. Ela ficará sete dias em casa, de atestado...