domingo, 16 de abril de 2017

DURANTE FESTA Policial do Raio morre e outro é baleado durante tiroteio em Russas. A troca de tiros foi iniciada durante uma festa no distrito de Capim Grosso, na madrugada deste domingo (16), deixando três mortos e quatro feridos.


O soldado era natural de Limoeiro do Norte e lotado no BP Raio de Russas.
( Foto: Reprodução )

O soldado do Batalhão de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) de Russas Menandro Cavalcante Nunes, 33, morreu após um tiroteio durante uma festa, na madrugada deste domingo (16), no distrito de Capim Grosso, a 165km de Fortaleza. De acordo com a Delegacia de Russas, outro policial foi atingido na cabeça e ficou levemente ferido.

 

Segundo informações da Polícia Militar do Ceará (PM-CE), os agentes de segurança estavam em uma festa quando cinco suspeitos aproximaram-se e iniciaram os disparos. Um deles atingiu o soldado Nunes na altura do peito, levando o policial a óbito no local. Outro PM foi atingido com um tiro de raspão na cabeça e conduzido ao hospital local, não correndo risco de morte.

 

Durante a ação, dois suspeitos morreram e outro ficou ferido. Ainda segundo a PM, duas pessoas que estavam na mesma festa foram atingidas pelos disparos. A motivação do crime segue em investigação pela Polícia Civil.

 

Buscas

 

Em nota, a PM-CE declarou que equipes das forças de Segurança Pública do Ceará estão no local realizando diligências em busca dos demais suspeitos, e que "não descansará enquanto os autores fugitivos não forem capturados."

 

O soldado Menandro Nunes era natural de Limoeiro do Norte, a 198km de Fortaleza, e lotado no 2º Pelotão do BPRaio em Russas. O corpo do policial será velado e sepultado na cidade natal.

© Diário do Nordeste

©Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.

Atentado contra ex-coordenadora do Sistema Penitenciário seria represália de facções à transferência de presos

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará 2017 4.941 Atualizado em 18/12/2017   As imagens são nítidas e mostram os criminosos com fuzis e ...