sexta-feira, 21 de abril de 2017

FUGA EM MASSA Detentos furam a parede da cadeia de Granjeiro com um cabo de vassoura e fogem. Os dois detentos que se encontravam encarcerados no Destacamento Militar de Granjeiro fugiram por volta das 23 horas desta quinta-feira.

Os dois detentos que se encontravam encarcerados no Destacamento Militar de Granjeiro fugiram por volta das 23 horas desta quinta-feira. O vendedor Wanderson Alves Leite, de 21, e Francisco Genival de Sousa Lima, o “Nem”, de 20 anos, respondem por crimes de roubos. A dupla se utilizou de um pedaço de cabo de vassoura para perfurar a parede do banheiro da cela e escaparem.

Quando os policiais notaram as ausências dos detentos saíram em diligências, mas não conseguiram recapturá-los. Uma das ações penais contra Wanderson foi protocolada no dia 23 de setembro de 2015 na Comarca de Lavras da Mangabeira. Outro procedimento por roubo tramita na Comarca de Granjeiro e aconteceu no último dia 15 de março contra o Mercadinho Calixto.

Naquela tarde informaram à polícia de Granjeiro sobre uma falsa lesão corporal no Distrito de Serrinha. No retorno à cidade, os PMs souberam que dois homens armados tinham assaltado o estabelecimento comercial que funciona na Rua Raimundo Idelfonso, 127 de onde fugiram numa moto Honda Bros de cor vermelha levando R$ 100,00 do caixa.

Recentemente, no dia 30 de março a justiça de Granjeiro indeferiu um pedido de liberdade provisória em favor de Wanderson Alves, decidindo pela manutenção de sua prisão diante da alegação do magistrado de não ter ocorrido “alteração do quadro fático, tendo em vista existirem elementos a desaconselharem, ao menos neste momento, a soltura do requerente”.

Demontier Tenório

VAGAS Oportunidade de Emprego (Aracati, Limoeiro e Russas) 18/10/2017 4ª Feira

VAGAS Oportunidade de Emprego (Aracati, Limoeiro e Russas) 18/10/2017   4ª Feira   📅