segunda-feira, 3 de abril de 2017

JAGUARUANA Bando tinha especialista em explosivo. Cerca de 17Kg de explosivos foram apreendidos, em duas mochilas. As emulsões já estavam prontas para serem instaladas e detonadas


Cerca de 17Kg de explosivos foram apreendidos, em duas mochilas. As emulsões já estavam prontas para serem instaladas e detonadas
( Fotos: Kléber a. Gonçalves )


As cinco armas, munições, explosivos, coletes balísticos apreendidos pelo Cotar foram levados para a sede da PF

O arsenal trazido pelos mossoroenses a Jaguaruana incluía dois fuzis, uma espingarda calibre 12, duas pistolas, muita munição e 17Kg de explosivos, que foram apreendidos pela Polícia. Além de ser dono de armas com alto poder destrutivo, Ediondas Júnior era também especialista na manipulação de explosivos, conforme a PF.

LEIA MAIS

.Consórcio entre criminosos pode ter financiado ataques

O poder bélico da quadrilha, posto à prova em confronto, assustou os moradores da Cidade. Dadato Barbosa, conselheiro tutelar de Jaguaruana, conta os momentos de tensão. "Foi uma noite de terror. Após o primeiro estrondo, se sucedeu uma interminável série de tiros. Pensávamos que não ia ter fim. Estávamos pensando no pior", afirmou o conselheiro tutelar.

A Polícia Federal estima que já há alguns anos Edioandas Duarte Júnior, o 'Júnior Bombado', fosse o explosivista da quadrilha. Conforme o delegado federal Samuel Elânio, o criminoso esteve em São Paulo e pode ter aprendido as técnicas no Sudeste. "Aqui no Nordeste temos poucos explosivistas. Ele era um dos que agia com segurança e que tinha a expertise para instalar as emulsões de forma que os cofres fossem abertos".

Conforme o delegado, 'Júnior Bombado' ganhou fama na função que desempenhava e acabou se transformando no líder de um bando. "Ele não tinha um histórico violento. Não era um criminoso agressivo ou que praticasse outros crimes. Só temos notícia dele como ladrão de banco. Enquanto explosivista, era realmente um especialista".

Instalação

A instalação dos explosivos foi feita por uma pessoa que conhecia técnicas para isto, constatou o explosivista do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate), capitão José Azevedo. O militar disse que o material estava pronto para ser detonado. Eram 17Kg de emulsões explosivas com alto poder destrutivo, que estavam divididas conforme a necessidade de cada um dos pontos que eles haviam planejado os ataques: Para os caixas eletrônicos a carga menor, para as duas agências duas cargas maiores. "Em geral, as quadrilhas têm muito pouco tempo para executar essas ações, então já levam tudo pronto", explica o capitão Azevedo.

Segundo ele, parte dos explosivos apreendidos em Jaguaruana estavam conectados de uma forma incomum. "Quem montou a carga tinha total certeza do que estava fazendo. A pessoa conhecia de explosivos e com certeza mexia com isso há muito tempo. Acredito que pela técnica empregada eles conseguiriam abrir o cofre, se não tivessem sido surpreendidos pelo Cotar".

O oficial do Gate diz que as emulsões encontradas no local, popularmente conhecidas como dinamite, não custam caro e é relativamente fácil ter acesso à elas. "É um explosivo comercial, usado inclusive por pedreiras. As quadrilhas conseguem desviar ou mesmo roubar de estabelecimentos. Para eles não é um desafio conseguir. Infelizmente, o acesso é fácil", afirmou.

Azevedo faz um alerta à população e lembra que não se deve entrar em agências que foram alvos de explosões, porque há perigo de que nem todos os explosivos tenham sido detonados. "Em alguns casos, os bandidos não conseguem levar todo o dinheiro e a população entra na agência. Não se deve fazer isso em hipótese alguma. Um detonador é praticamente invisível em meio aos escombros e você pode perder o pé se pisar nele".

© Diário do Nordeste

©Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.

VAGAS ​Oportunidade de Emprego​ ​(Aracati, Limoeiro, Morada Nova e Russas)​ 24/10/2017 3ª Feira

VAGAS ​ Oportunidade de Emprego ​ ​ (Aracati, Limoeiro, Morada Nova e Russas) ​ 24/10/2017   3ª Feira   📅