sábado, 15 de abril de 2017

MONITORADOS PELA COGERH Nível médio dos açudes atinge marca de 12%. Ao fim do inverno de 2016, açudes atingiram a média de 12,85%, percentual que deve ser superado neste ano.


A população de Itapipoca está esperançosa após ver os seus principais reservatórios transbordarem num espaço de 24 horas; o Quandu, nessa sexta-feira, e o Gameleira, um dia antes ( Foto: Marcelino Júnior )

00:00 · 15.04.2017


Clique para ampliar

As precipitações que banharam pelo menos 72 municípios do Ceará, entre as 7horas dessa quinta-feira (13) e as 7h de ontem, ajudaram a recarregar partes dos reservatórios do Estado e o volume acumulado nos 153 açudes monitorados pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos do Ceará (Cogerh) chegou a 12%. As chuvas também fizeram com que o Açude Quandu, em Itapipoca, na Zona Norte do Estado, atingisse a sua capacidade máxima, que é de 3.370.000 m³. Este é o 11º reservatório monitorado pela Cogerh que sangra no Ceará nesta quadra chuvosa.

Em 2016, após o inverno, açudes atingiram a média de 12,85%. Com uma vazão de 35,00 litros por segundo, o Quandú é um dos açudes que auxilia no abastecimento de Itapipoca. Este é o segundo reservatório do município que sangra em 2017. O Gameleira, que tem capacidade de 52.640.000 m³ e vazão de 100,00 l/s já havia chegado a 100% na última quinta-feira. Ele auxilia no abastecimento da sede e mais 12 distritos .

Ao todo, atualmente o Ceará tem 15 açudes com aporte acima de 90%. Destes, além dos dois reservatórios de Itapipoca, sangraram: Cauhipe (Caucaia), Itapebussu e Maranguapinho (Maranguape) - na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) -, Acaraú Mirim (Massapê), Caldeirões (Saboeiro), Itaúna (Granja), São Pedro Timbaúba (Miraíma), Valério (Alteneira) e Tijuquinha (Baturité).

Os reservatórios Jenipapo (Meruoca), Angicos (Coreaú), Tucunduba (Senador Sá) e Gavião (Pacatuba) estão próximos de atingir a capacidade máxima. No entanto, outros 106 açudes estão com aporte inferior a 30%.

Em relação às precipitações, entre quinta e sexta-feira, a cidade que registrou a maior chuva, segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), foi Ibiapina, na Região da Ibiapaba, com 45.0 milímetros. Na RMF, Aquiraz (30.0 mm) teve o maior volume. Já Fortaleza contabilizou 24.1 mm, no posto do Castelão.

Previsão

Segundo a Funceme, a previsão no Ceará para este sábado (15) é que haja precipitação na faixa litorânea e na Serra da Ibiapaba. Nas demais áreas, o céu deverá ficar parcialmente nublado. Em Fortaleza, o céu deve permanecer nublado ao longo do dia. Já no domingo (16), ao longo do dia, há possibilidade de chuva no centro-norte do Estado. Nas demais regiões, céu entre parcialmente nublado e claro.

© Diário do Nordeste

©Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

EXCLUSIVO: Preso em Fortaleza traficante chefe do Comando Vermelho em Santa Catarina

  Leandro Madalena Schlosser, 27 ano, foi capturado ao chegar em seu apartamento, no Cambeba Uma operação conjunta do Batalhão de Polícia...