sexta-feira, 28 de abril de 2017

MORTES NO CARIRI Infarto mata detento de Crato que cumpria pena na cadeia pública de Juazeiro. O detento Cícero Francisco de Oliveira, de 40 anos, morreu por volta das 21h30min desta quinta-feira em uma das celas da cadeia pública de Juazeiro do Norte no bairro Campo Alegre.

O detento Cícero Francisco de Oliveira, de 40 anos, morreu por volta das 21h30min desta quinta-feira em uma das celas da cadeia pública de Juazeiro do Norte no bairro Campo Alegre. Não havia marcas de violência e o corpo foi levado para necropsia no Instituto Médico Legal (IML), onde foi constatada como uma morte natural causada por um infarto fulminante.

Ele residia na Rua Plínio Cavalcante, 364 no bairro Alto da Penha em Crato e respondia por crimes naquela cidade, Juazeiro do Norte e Mauriti. Em março do ano passado, Cícero foi recambiado da cadeia pública de Crato para a Penitenciária Industrial e Regional do Cariri (PIRC). Depois, transferido para o “Tourinho” como é chamada a nova cadeia de Juazeiro.

Contra o mesmo tramitava na 1ª Vara Criminal da Comarca de Crato uma Ação Penal de Competência do Juri, cujo Inquérito Policial foi ali protocolado no dia 5 de maio de 2008 indiciando-o como autor do assassinato de Cláudio Alves de Alencar. Meses depois, teria praticado um crime de lesão corporal em Mauriti contra Francisca Dolores, além do tráfico de drogas em agosto de 2011 em Juazeiro do Norte e um furto em setembro de 2014 no município de Crato.

Demontier Tenório

Gestão municipal e força-tarefa juntas reduzem índices da violência em Senador Pompeu, no Sertão Central

Homicidômetro Mortes no Ceará 2017 👉 3965 Atualizado em 18/10/2017 Prefeito Maurício Pinheiro ressaltou a ação conjunta das autoridades...