segunda-feira, 17 de abril de 2017

MUNDO 68 crianças sírias morrem em ataque atraídas por ônibus cheio de comida. Páscoa. Tempo de Renovação. Sábado, 15, véspera de Páscoa na Síria. Tempo de pavor, desordem, tragédia. 68 crianças e 58 adultos foram mortos em mais um ataque com bombas.

Dessa vez, a perversidade chama a atenção. Minutos antes das bombas atingirem a região próxima a Aleppo, crianças foram atraídas por um veículo cheio de comida. A explosão foi, justamente, no ônibus que trazia os alimentos. Ao fim dessa reportagem, o leitor pode ver um vídeo que mostra como ficou a situação na região. As imagens são estarrecedoras. Corpos estão jogados por todos os lados. De acordo com uma reportagem da BBC, tudo aconteceu quando o comboio que levava sírios evacuados de regiões de conflito parou em um território rebelde. A jornalista Lina Sinjab, que está no Oriente Médio, dá detalhes do que teria acontecido.

De acordo com Lina, uma bomba atingiu o ônibus, que carregava batatas fritas. A guloseima, é claro, atraiu muitas crianças. Não está claro se essa foi uma estratégia dos terroristas, ou se tudo não passou de uma coincidência. De qualquer forma, a Síria, mais uma vez, viu minutos de felicidade, que logo seriam trocados por mais uma tragédia. A explosão aconteceu no horário da tarde, quando mais sírios seriam evacuados da região. De acordo com uma TV estatal, um terrorista (não foi denominado de que grupo ele pertenceria, mas o mais famoso na região é o Estado Islâmico) teria se infiltrado na região. O suicida acionou os explosivos dentro do veículo com os alimentos, matando as dezenas de crianças e outros muitos adultos.

Não é o primeiro ataque contra civis neste mês. Na semana passada, o governo americano revelou que fontes conseguiram informações que o governo ditatorial sírio teria sido o responsável pelo ataque com armas químicas contra não militares. Images do tal ataque repercutiram no mundo. Em contrapartida, o presidente Donald Trump enviou dezenas de mísseis ao país, que atingiram uma base militar, o que causou o furor da aliada Rússia, de Vladimir Putin. A comunidade internacional olha atenta esses conflitos e já há especialistas que garantem que eles são tão importantes que podem ser capazes de gerar até mesmo uma terceira guerra mundial.

Veja abaixo o vídeo que mostra como o local ficou após a destruição. As imagens podem ser consideradas fortes para algumas pessoas.

E você leitor, como acha que o conflito da Síria pode tentar ser resolvido pela comunidade internacional? Deixe o seu comentário. Ele é sempre importante e ajuda no diálogo de temas relevantes para a sociedade.

Reproduzido por MassapeCeara.Com|Créditos:  É Manchete! via Blasting News

LIMOEIRO DO NORTE-CE​: ​Dois homens sofrem tentativa de homicídio no Centro.​

Informações extraoficiais dão conta de uma tentativa de homicídio, que veio a ocorrer no cruzamento das ruas Manoel Saraiva com a rua Padre...