sexta-feira, 7 de abril de 2017

NESTA SEXTA (7) Corpo de menina é encontrado junto a lixo na Via Expressa. Segundo a Polícia, apesar do estado do corpo, as características indicam se tratar de uma menina de 4 anos, como a menina Débora.

O corpo de uma criança foi encontrado na Via Expressa, próximo à avenida Pontes Vieira, em Fortaleza, na manhã desta sexta-feira (7).

Segundo a Polícia, apesar do estado de decomposição do corpo, as características indicam se tratar de uma menina de 4 anos, semelhantes às da menina Débora, desaparecida desde o dia 27 de março.

De acordo com o Ronda do Quarteirão, a denúncia foi realizada por meio da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops). Quando os PMs chegaram ao local, encontraram o corpo em meio ao lixo.

Como as características batem com as da menina de 4 anos, desaparecida há mais de uma semana, familiares foram chamados para o local. Débora Freitas, vizinha da mãe da criança desaparecida, esteve no local para tentar reconhecer o corpo. Ela foi no lugar da mãe, que está muito abalada.

 “A nossa esperança é que não seja ela, a gente fica triste também porque pode também ser outra criança”, comenta.

Desaparecimento

A menina foi vista pela última vez por volta das 19h do dia 27 de março. Débora brincava na companhia de outra criança, nas proximidades da sua casa, no Bairro Aerolândia, quando teria sido raptada por um homem que a teria levado para um matagal. No início desta semana, a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que as buscas pela criança na região do Lagamar, onde ela desapareceu, foram interrompidas até que surjam novas pistas.

O delegado Levy Louzada, da Divisão de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), afirmou que, segundo indicação da perícia, o local possivelmente não foi usado para a prática de homicídio, já que ele foi encontrado envolto de uma caixa de papelão.

 

Um chinelo encontrado junto ao corpo será periciado para ajudar no reconhecimento do corpo.

© Diário do Nordeste

©Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

RIO DE JANEIRO Ator Dado Dolabella é preso por não pagar pensão alimentícia. Artista deve R$ 196 mil de pensão alimentícia a filho, segundo a polícia. Ao G1, Dado disse que valor pedido é de acordo com um contrato trabalho que não existe mais.

Por Patricia Teixeira, G1 Rio Dado Dolabella é preso por não pagar pensão alimentícia O ator Dado Dolabella foi preso no início da tarde...