sexta-feira, 14 de abril de 2017

NO CENTRO 'Saidinha' bancária termina com três pessoas baleadas. Três pessoas foram baleadas em um assalto no cruzamento da Avenida Pessoa Anta com a Avenida Alberto Nepomuceno, no Centro de Fortaleza, após serem perseguidas por cerca de 9 km, na manhã de ontem.


Três pessoas que estavam num táxi foram baleadas. A mulher que havia sacado o dinheiro, o segurança e a taxista. Os acusados fugiram
( Foto: José Leomar )

Três pessoas foram baleadas em um assalto no cruzamento da Avenida Pessoa Anta com a Avenida Alberto Nepomuceno, no Centro de Fortaleza, após serem perseguidas por cerca de 9 km, na manhã de ontem. Segundo o comandante interino do Batalhão de Policiamento Turístico (BPTur), major Alexandre Silveira, R$ 15 mil foram roubados por dois homens e os feridos não correm risco de morte.

De acordo com o oficial, a perseguição começou em um shopping localizado na Avenida Washington Soares, no bairro Edson Queiroz, onde uma mulher sacou a quantia de R$ 15 mil e, junto de um segurança, pediu um táxi.

Com informações privilegiadas sobre o saque que a mulher realizaria, a dupla, utilizando uma motocicleta de cor preta, perseguiu o táxi até a Avenida Pessoa Anta. Próximo ao cruzamento com a Avenida Alberto Nepomuceno, os bandidos decidiram abordar o veículo, por volta de 10h30.

Tiros

A taxista que dirigia o veículo não atendeu ao pedido e acelerou. Os bandidos dispararam vários tiros contra o carro, até pará-lo. O segurança foi alvejado com três tiros, sendo um nas nádegas, um nas costas e outro no braço; a dona do dinheiro levou um tiro no antebraço; e a taxista, na panturrilha.

Após conseguir parar o veículo, a dupla roubou a sacola em que a mulher levava o dinheiro e fugiu em seguida. Segundo o comandante interino do BPTur, a vítima revelou que o dinheiro seria utilizado para comprar roupas na Feira da Rua José Avelino, no Centro.

Ainda conforme o major Silveira, policiais militares do BPTur e do Ronda do Quarteirão e guardas municipais de Fortaleza foram acionados ao local, retiraram as pessoas baleadas do táxi e as levaram com urgência, nas viaturas, para o Instituto Dr. José Frota (IJF), onde foram atendidas. Segundo o militar, elas não correm risco de morte.

Ninguém foi preso. O comandante interino do BPTur explicou que a Polícia priorizou o socorro dos feridos e não conseguiu realizar diligências em busca dos suspeitos logo após o assalto. "A prioridade é a vida. Se não fizéssemos o socorro imediato, elas poderiam morrer", destacou o oficial.

Equipes do 34º DP (Centro) começaram a investigar, na tarde de ontem, o assalto que terminou com os três feridos a bala. Até o fim da noite de ontem, os dois acusados não haviam sido localizados.

© Diário do Nordeste

©Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.

Homicidômetro Mortes no Ceará 2017. 4.004 Atualizado em 20/10/2017. Ceará pode fechar o ano com 5 mil assassinatos, um recorde da violência em sua história

SIRENE ABERTA Fernando Ribeiro Coincidência ou não? No mesmo dia em que o Estado incorpora mais 1.350 novos soldados aos quadros da Políc...