sexta-feira, 7 de abril de 2017

OPERAÇÃO ESCAMOTEAMENTO 13 pessoas são presas sob suspeita de fraudar licitações no Ceará e Piauí. Os desvios eram realizados através de empresas fantasmas; o montante desviado chega a R$ 60 milhões.


Ministério Público do Estado do Ceará, através do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas, atua no combate e repressão às ações desenvolvidas pelo crime organizado.
( Arquivo )

Treze pessoas foram presas preventivamente, suspeitas de participarem de um esquema de fraudes em licitações em municípios dos estados do Ceará e Piauí. Os mandados foram cumpridos nas cidades de Tianguá Ubajara e expedidos devido a Operação “Escamoteamento”, deflagrada na manhã desta sexta-feira (7).

Segundo os promotores de Justiça que acompanharam a ação, os desvios eram realizados através de empresas fantasmas e o montante desviado chega a R$ 60 milhões.

18 mandados e duas conduções coercitivas

De acordo com as investigações, orquestrada pelos Grupos de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (GAECOs) dos dois estados, o esquema contava com a participação de empresários e agentes políticos. Além das prisões, foram cumpridos 18 mandados de busca e apreensão em residências e empresas de investigados, duas conduções coercitivas de investigados que foram ouvidos na sede das Promotorias de Justiça de Tianguá.

Prisão em flagrante

Segundo o coordenador do GAECO Ceará, o promotor de Justiça Manoel Epaminondas, foi apreendida uma pistola municiada sem registro com um dos investigados, tendo sido, por este motivo, lavrado auto de prisão em flagrante. “Todo o material arrecadado será agora analisado, a fim de aprofundar as investigações e possibilitar o ajuizamento das respectivas ações penais”, destacou.

Além dos promotores de Justiça dos GAECOs do Piauí e Ceará, participaram da operação promotores de Justiça da Comarca de Tianguá, técnicos da Controladoria Geral da União (CGU), do Tribunal de Contas do Piauí, (TCE-PI), além das Polícias Militar e Civil do Piauí. O cumprimento dos mandados também contou com a ajuda da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

© Diário do Nordeste

©Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.

EXCLUSIVO: Preso em Fortaleza traficante chefe do Comando Vermelho em Santa Catarina

Leandro Madalena Schlosser, 27 ano, foi capturado ao chegar em seu apartamento, no Cambeba   Uma operação conjunta do Batalhão de P...