terça-feira, 2 de maio de 2017

ESTRADAS FEDERAIS PRF registra 17 acidentes com uma morte na operação “Dia do Trabalho” no Ceará. Um motociclista morreu após bater sua moto contra um caminhão.

Operação começa nesta sexta (28) segue até a segunda-feira (1º)
(Foto: Divulgação/PRF)

A Polícia Rodoviária Federal do Ceará (PRF-CE) registrou na operação “Dia do Trabalho”, em alusão ao Dia de Trabalhador, celebrado em 1º de maio, 17 acidentes, com 14 feridos e uma morte nas estradas cearenses. A ação seguiu até as 23h59 de segunda-feira (1º), com fiscalizações mais intensas nas rodovias federais, com foco no excesso de velocidade, embriaguez ao volante e ultrapassagens irregulares.

Desde a última sexta-feira, 28, a PRF fiscalizou 3.481 veículos e 3.648 pessoas. Foram lavrados 1.728 autos de infração. Quinze animais foram retirados de rodovias federais. Setenta e quatro CRLVs e 20 CNHs foram recolhidos.

O acidente fatal foi registrado no sábado (29), no município de Palhano, Região Jaguaribana do Ceará. Segundo a polícia uma colisão entre uma moto e caminhão deixou o condutor da moto morto. Acidente aconteceu na BR-116, no Km 145,7. O motociclista de 33 anos não resistiu aos ferimentos e morreu ainda na pista.

Foram realizados 1.403 testes de alcoolemia, 16 pessoas foram autuadas e duas detidas por dirigir sob efeito de álcool. Segundo a polícia, 1.484 pessoas foram sensibilizadas em atividades de educação para o trânsito. A polícia registrou 888 imagens de veículos trafegando em excesso de velocidade foram capturadas pelos radares fotográficos.

globo.com
© Copyright 2000-2017 Globo Comunicação e Participações S.A.