terça-feira, 9 de maio de 2017

FUNCEME Chuvas permanecem escassas no Estado do Ceará. A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) registrou, entre as 7h de domingo e 7h de ontem, chuvas em 26 municípios. As três maiores precipitações ocorreram em Sobral (35.8mm), Paracuru (31mm) e Fortaleza (23.6mm). O Estado enfrenta um veranico que se prolonga em várias regiões desde a segunda quinzena de abril.

A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) registrou, entre as 7h de domingo e 7h de ontem, chuvas em 26 municípios. As três maiores precipitações ocorreram em Sobral (35.8mm), Paracuru (31mm) e Fortaleza (23.6mm). O Estado enfrenta um veranico que se prolonga em várias regiões desde a segunda quinzena de abril.

No último domingo, a Funceme observou chuva em apenas nove cidades, de reduzida pluviometria, inferior a 13mm. Para hoje e amanhã, o tempo deve permanecer com nebulosidade variável e há chances de ocorrer chuvas isoladas em todas as regiões do Estado.

A nebulosidade sobre o Ceará está associada a áreas de instabilidade que se formam sobre o Oceano Atlântico, e se deslocam em direção ao continente, de acordo com explicações de meteorologista da Funceme, Raul Fritz. O principal sistema indutor de chuvas no Ceará, neste período do ano, a Zona de Convergência Intertropical (ZCIT), permanece afastado da costa norte do Nordeste brasileiro, padrão observado durante os últimos dias.

De acordo com o Portal Hidrológico da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), foram registrados, ontem, aporte de apenas 1,5 milhões de metros cúbicos em 31 açudes, destacando Acarape do Meio, Angicos e Jaburu II. O reservatório São José III entrou em volume morto.

O volume atual médio nos 153 reservatórios monitorados pela Cogerh no Estrado é de 12,6%. No momento há dez açudes sagrando, 38 continuam em volume morto e 17 permanecem secos. Estão transbordando os seguintes reservatórios: Acaraú Mirim (Massapê); Angicos (Coreaú); Gameleira e Quandu (Itapipoca); Itabebussu e Maranguapinho (Maranguape); Itaúna (Granja); São Pedro Timbaúba (Miraíma); Tucunduba (Senador Sá); e São Vicente (Santana do Acaraú). Os açudes que estão transbordando ficam na região Norte, nas bacias do Acaraú, Coreaú e Litoral.

As chuvas na atual quadra não foram suficientes para a recarga dos médios e grandes reservatórios. Os três maiores reservatórios do Estado (Castanhão, Orós e Banabuiú) perderam volume e aumenta o risco de desabastecimento em importantes cidades e a dependência das águas de transposição do Rio São Francisco.

As chuvas irregulares e os veranicos observados desde o dia 15 de abril também afetam a safra de grãos em várias regiões Ceará, que registra perda em diversas regiões.

Fonte: Diário do Nordeste

PROVA OBJETIVA Resultado preliminar de concurso para agente penitenciário é divulgado. De acordo com a Sejus, dos 61,6 mil que participaram da primeira etapa do certame, 6.977 estão na lista divulgada nesta quarta (18).

A primeira fase do concurso foi realizada no último dia 1º de outubro ( Foto: arquivo ) A  Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado (Se...