quarta-feira, 24 de maio de 2017

MATANÇA EM MAURITI Assassinato de cigano foi o terceiro homicídio num intervalo de quatro dias em Mauriti. Mais um homicídio foi registrado em Mauriti se constituindo no terceiro do mês de maio num curto intervalo de quatro dias e o sétimo de 2017 no município, onde 11 pessoas tombaram mortas no decorrer do ano passado.

Matança em Mauriti
Demontier Tenório

 

Mais um homicídio foi registrado em Mauriti se constituindo no terceiro do mês de maio num curto intervalo de quatro dias e o sétimo de 2017 no município, onde 11 pessoas tombaram mortas no decorrer do ano passado. Por volta das 18h30min, na Rua 7 (Bairro Bela Vista), o cigano Geneci Soares, de 53 anos, foi morto com dois tiros em frente à sua casa por dois homens que fugiram numa motocicleta.

Segundo a polícia, o mesmo não tinha passagens em Mauriti e morreu no local onde foi baleado sem tempo para socorrido médico-hospitalar. Na Comarca de Miranorte (TO) o mesmo respondia uma Ação Penal protocolada em maio de 2009. Já em seu favor, tramitou a partir de fevereiro de 2010 na Comarca de Mauriti, um Ação Cível de reparação de danos contra Elias dos Santos Moreira com baixa definitiva no ano seguinte.

OUTROS – Na tarde do último sábado, no bairro Serrinha, o ex-presidiário Francisco Jacinto do Nascimento, de 45 anos, o “Quebra Coco”, foi morto a facadas por Iago Dias da Silva, de 19 anos, que terminou preso e alegou “rixas antigas” entre os dois os quais tinham várias passagens pela polícia. Na tarde de segunda-feira João Furtado da Silva, de 31 anos, o "João Pescocinho" foi morto a tiros dentro de seu Fiat na Vila de Fátima. Ele respondia por assaltos, porte de arma de fogo, furto, receptação, lesão corporal, tráfico de drogas e formação de quadrilha.

LIMOEIRO DO NORTE-CE​: Equipe Cão em ação realiza mais uma prisão na cidade.​

Após a ​ Equipe do FTA da PM ​ realizar a apreensão de um menor, com duas armas de fogo, munições, vários aparelhos celulares, e uma quanti...