segunda-feira, 29 de maio de 2017

NOVE MORTES NO CARIRI Pick up bate na traseira de moto e mata casal em Antonina em duas das nove mortes violentas no Cariri. Caiu de dez para nove o número de mortes violentas na comparação entre os dois últimos fins de semana no Cariri. Neste, foram sete vítimas fatais em conseqüência de acidentes de trânsito e dois homicídios.


Nove mortes no Cariri
Demontier Tenório

 

Caiu de dez para nove o número de mortes violentas na comparação entre os dois últimos fins de semana no Cariri. Neste, foram sete vítimas fatais em conseqüência de acidentes de trânsito e dois homicídios. De acordo com levantamento feito pelo Site Miséria, foram três corpos de Barbalha, dois de Antonina do Norte e os demais de Lavras da Mangabeira, Farias Brito, Missão Velha e Juazeiro. Uma morte aconteceu ainda na sexta-feira, três no sábado, quatro no domingo e uma nesta madrugada.

Por volta das 18h30min de sexta-feira, na Rua Padre Raimundo Augusto no centro de Lavras da Mangabeira, Gabriela Aparecida Duarte da Silva, de 10 meses, foi morta pelo padrasto Iarley Mendonça de Souza, de 20 anos, o qual terminou preso. Ele pegou a criança pelas pernas e bateu a mesma várias vezes contra a parede além de ter mordido a recém-nascida chegando a arrancar alguns dedos das mãos. Testemunhas imaginaram que se tratava de uma boneca, mas, só depois, viram que era um bebê.

Às 6 horas da manhã de sábado morreu em um dos leitos do Hospital Regional do Cariri em Juazeiro do Norte um homem que segue sem identificação no IML já que não possuía documentos. Segundo testemunhas, tratava-se de um andarilho o qual terminou atropelado por um veículo e foi socorrido ao HRC, onde faleceu em virtude da gravidade dos ferimentos.

Já às 21h30min, na CE-371 no Sitio Pedras em Antonina do Norte, morreram Luiz Alves de Souza, de 53, e Maria Marina Pereira, de 63 anos, que residiam na Serra dos Almeidas naquele município. Os dois trafegavam numa moto Honda CG 125 de cor cinza e placa HHQ-0935, inscrição de Belo Horizonte (MG), a qual foi abalroada por uma Pick up Montana de cor vermelha e placas FAJ-7130 dirigida por Joaquim Soares da Mota, de 40 anos, que viajava no mesmo sentido na direção de Campos Sales.

Por volta das 7 horas deste domingo morreu no Hospital Regional do Cariri em Juazeiro o jovem Edcarlos Romário Bezerra Pequeno, de 28 anos de idade. Ele residia na Rua Albino Oliveira do Conjunto Nova Esperança em Farias Brito, onde se envolveu num acidente com motocicleta. O rapaz foi socorrido ao HRC, mas faleceu em virtude da gravidade dos ferimentos.

Às 20h30min morreu no Hospital São Vicente de Paulo o Sargento Antonio Carlos Santana, de 58 anos, que residia na Avenida Jules Rimet, 790 (Bairro Bela Vista) no centro de Barbalha. Às 17h30min ele pilotava sua moto Yamaha YBR de cor vermelha pela Avenida Paulo Maurício perto daquele hospital e não percebeu uma corrente que tinha sido posta na via por onde passaria o cortejo do pau da bandeira. Ao bater na mesma, o Sargento Santana caiu sofrendo graves lesões e foi socorrido às pressas ao hospital que funciona ao lado.

Cerca de meia hora depois morreu neste mesmo hospital de Barbalha a aposentada Maria Socorro de Oliveira, de 80 anos de idade. Ela morava na Avenida Coronel José Dantas em Missão Velha e foi atropelada por um veículo perto de sua casa. A mesma terminou socorrida ao hospital barbalhense onde morreu com o agravamento do seu quadro clínico.

Já às 23h30min ainda de domingo o comerciário Wescley de Lima Pereira, de 24 anos, foi morto com um tiro na testa no Marco Zero na Avenida Coronel João Coelho no centro de Barbalha. Ele participava da festa de Santo Antonio e residia na Avenida Padre Cícero, 1447 (Bairro São Miguel) em Crato, onde trabalhava na Farmácia Pague Menos perto de sua casa. Em meio à brincadeira, houve empurrões seguidos de uma discussão banal quando o acusado sacou um revólver e atirou fugindo em seguida.

Por volta das 04 horas da madrugada desta segunda-feira uma colisão de carros deixou o saldo de um morto e cinco feridos na CE-060 perto da indústria de cimento em Barbalha. Foi entre uma ambulância da Funerária Freitas de Jardim de placas LST-2452, inscrição de Duque de Caxias (RJ), cujo motorista Wanderson William Freitas, de 33 anos, foi socorrido ao HRC em Juazeiro, e uma caminhonete L200 de cor cinza e placas HXR-5098, inscrição de Juazeiro. Um dos ocupantes morreu no local e ainda não foi identificado, enquanto três sofreram escoriações leves e outro terminou socorrido.

Jovem morre vítima de acidente em Ibicuitinga

     Jovem morre vítima de acidente em Ibicuitinga Segundo informações da Polícia Militar, por volta de 5h da manhã deste domingo (10...