quinta-feira, 25 de maio de 2017

SERTÃO CENTRAL CEARENSE Quatro pessoas são presas durante operação da Polícia Civil em Quixadá. Uma ação desencadeada pela Polícia Civil do Estado do Ceará, por meio das Delegacias Regional de Quixadá e as Municipais de Quixeramobim e Banabuiú, na manhã desta quinta-feira (25), resultou na captura de quatro pessoas, essa é a segunda fase da Operação Ostentação, que foi desencadeada no último dia 16.

Quatro pessoas foram presas durante a operação

Conforme o delegado Marcus Vinicius, foram presos Marcilio Jorge da Silva Cavalcante, 39 anos, o “Marcilio Voa Dois”, Marilianny Patricio Nobre, 30 anos, Osmildo Pereira Brito Neto, 27 anos, conhecido como”Bodó” e Jone Kello da Silveira Lemos, 29 anos. As prisões ocorreram nos bairros Curicaca, Campo Velho e Centro de Quixadá.

“O grupo chegava a movimentar cerca de um milhão e meio por ano, através de atividades fraudulentas”, afirmou Marcus Vinicius. Ainda conforme o delegado, Marcilio e Marilianny seriam as pessoas que organizavam o esquema. Já Osmildo servia como “laçador” buscando arregimentar “laranjas” para emprestar contas bancárias para a movimentação criminosa. Um desses laranjas é Jone Kello. 

Além das capturas, por força de mandados de prisão, a Polícia apreendeu diversos bens dos acusados. Foram apreendidos três veículos, jóias, relógios e talões de cheque.

A Polícia Civil conseguiu ainda o sequestro de bens (que tem por finalidade apreender o bem do devedor do qual pende litígio) do grupo, como uma casa de luxo localizada no bairro Curicaca. “O grupo aparecia na cidade como empresários bem sucedidos, quando na realidade estavam enriquecendo de forma ilícita. Passamos a investigá-los e estamos desarticulando todo o esquema”, afirmou Marcus.

© 2017 MonólitosPOST | O Ceará se informa aqui!

DE JANEIRO A DEZEMBRO DE 2017 139 mortes por dengue e chikungunya na Capital. Se compararmos a igual período de 2016, houve um aumento de 221% nas ocorrências de febre chikungunya.

A prevenção ainda é o melhor "remédio" para combater o mosquito transmissor das enfermidades, o Aedes aegypti ( FOTO: Nah Jereis...