sábado, 27 de maio de 2017

SOLENIDADE Mais de 1.400 famílias recebem escritura por meio do 'Papel da Casa'. O programa é uma iniciativa do Governo do Ceará, por meio das Secretarias do Planejamento e Gestão (Seplag) e Cidades, Prefeitura de Fortaleza e Tribunal de Justiça.


A meta é regularizar quase 24 mil imóveis somente na Capital. ( Foto: Kid Júnior )

Em clima de festa, o governador Camilo Santana entregou, na manhã deste sábado (27), o Papel da Casa para 1.425 famílias de Fortaleza, em solenidade realizada no Ginásio da Parangaba. O documento regulariza a situação de imóveis construídos pelo Sistema Financeiro da Habitação (SFH)/ Companhia de Habitação do Ceará (Cohab) que se encontram sem escritura.

De acordo com o governador, ameta é regularizar quase 24 mil imóveis somente na Capital. "No total já entregamos mais de 4 mil imóveis regularizados, onde as pessoas agora tem o direito de ter a sua escritura. É um projeto que além de trazer cidadania para as pessoas, garante o direito legal da propriedade do imóvel aqui em Fortaleza", diz. 

Ainda segundo Camilo Santana, estima-se que 70% dos imóveis urbanos de Fortaleza estejam sem a documentação, ressaltando haver um trabalho para a regularização, também de unidades que não sejam de empreendimentos habitacionais. Estamos trabalhando para que os imóveis no geral possam ter o direito de ter essa documentação". 

A regularização dos imóveis através do Papel da Casa foi realizado mediante as isenções e remissões de créditos tributários referentes ao IPTU, ITBI e redução em 70% das custas de cartórios. Cada mutuário foi beneficiado com uma diminuição total dos custos de cerca de R$ 6.500,00 para aproximadamente R$ 500,00.

O Programa Papel da Casa é uma iniciativa do Governo do Ceará, por meio das Secretarias do Planejamento e Gestão (Seplag) e Cidades, Prefeitura de Fortaleza e Tribunal de Justiça. 

© Diário do Nordeste

©Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.

Justiça nega liberdade para suspeitos de matar policiais militares em Quixadá

Homicidômetro Mortes no Ceará 2017 4.060 Atualizado em 23/10/2017 Policiais foram mortos numa troca de tiros com assaltantes no Distrito...