domingo, 7 de maio de 2017

VILA DE GUASSUSSÊ Marchante de 52 anos é executado a bala enquanto jogava baralho em bar de Orós. Uma dupla em uma moto preta apareceu no local, sendo que um deles invadiu o bar e abriu fogo.


Gerôncio foi morto com pelo menos 8 tiros de pistola calibre 380 - Foto: Reprodução

Um homicídio a bala, ocorrido nesse sábado (6), na Vila de Guassussê, está sendo investigado pela polícia de Orós.

 

marchante Gerôncio Elias Alves, de 52 anos, tinha se deslocado do sítio Jurema, na Vila Palestina, para receber uma quantia em dinheiro da venda de carne de porco e resolveu se encontrar com amigos em um bar, onde começaram a beber e jogar baralho.

 

Uma dupla em uma moto preta apareceu no local, sendo que um deles invadiu o bar e abriu fogo enquanto o comparsa dava cobertura na motocicleta. Os criminosos fugiram em seguida, em direção ao distrito de Lima Campos, no município de Icó. Gerôncio foi morto com pelo menos 8 tiros de pistola calibre 380. 

 

O tenente Leânio e os soldados Cavalcante e R.Lopes estiveram no local. De acordo com o tenente Leânio, o marchante Gerôncio Elias, há cerca de 3 anos, teria sido testemunha de um homicídio na Vila Palestina onde residia, mas as informações serão investigadas pelas Polícias Civil e Militar. Testemunhas serão ouvidas nas próximas horas para que as investigações tenham celeridade.

 

Com informações do colaborador Richard Lopes.

© Diário do Nordeste

©Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.

LIMOEIRO DO NORTE-CE​: ​Dois homens sofrem tentativa de homicídio no Centro.​

Informações extraoficiais dão conta de uma tentativa de homicídio, que veio a ocorrer no cruzamento das ruas Manoel Saraiva com a rua Padre...