segunda-feira, 8 de maio de 2017

VIOLÊNCIA Bope e PF trocam tiros com suspeitos de explosões a bancos no RN; três morrem e dois são presos. Três homens foram mortos e dois presos após um confronto armado com policiais militares do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e policiais federais na madrugada deste domingo (7).

Três homens foram mortos e dois presos após um confronto armado com policiais militares do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e policiais federais na madrugada deste domingo (7). A troca de tiros aconteceu na zona rural entre as cidades de Ipanguaçu e Afonso Bezerra, na região Central potiguar.

De acordo com a Polícia Federal, havia a informação de que os suspeitos planejavam assaltar uma agência bancária na região. Os suspeitos foram surpreendidos quando seguiam em dois carros, saindo de Ipanguaçu em direção a Afonso Bezerra. Segundo os policiais, eram pelo menos 10 homens armados.

Ainda de acordo com a PF, quando os suspeitos perceberam que estavam sendo seguidos, saíram da RN-406 e entraram em uma estrada de terra, onde houve o confronto armado.

Nos carros, os policiais encontraram munições -- material que seria usado para explodir agências bancárias -- e 20 baldes com grampos, que são espalhados nas estradas para furar os pneus das viaturas. Os homens também estavam armados. Os outros suspeitos conseguiram fugir pelo matagal.

Dois dos suspeitos mortos foram identificados. Hudson Linhares Santos, de 32 anos, morava em Afonso Bezerra, e José Morais Xavier Júnior, de 37 anos, que é natural de Natal mas também morava em Afonso Bezerra.

 

g1