domingo, 11 de junho de 2017

ACARAÚ Agentes penitenciários dão entrada em hospital com suspeita de envenenamento. A Polícia Civil trabalha com a hipótese de um dos presos da Cadeia Pública de Acaraú ter colocado veneno na comida dos servidores.

Pelo menos três agentes penitenciários deram entrada no Hospital Dr Moura Ferreira Acaraú, a aproximadamente 250Km de Fortaleza, sob a suspeita de envenenamento. Conforme informações obtidas na Delegacia de Polícia de Acaraú, os servidores teriam sido envenenados na Cadeia Pública da região.

Conforme um policial civil, que optou por não se identificar, as investigações preliminares apontam que os agentescomeçaram a passar mal após refeição servida na cadeia. Até o momento, a principal suspeita é que um dos presos tenha colocado veneno na comida.

"Eles descansaram um pouco depois de comer e se sentiram mal.Aguardamos os exames médicos e a perícia", disse o policial. O titular da delegacia havia se dirigido para a cadeia no intuito de instaurar inquérito acerca do caso.

Em ligação ao hospital, a reportagem foi informada que os agentes permanecem em observação e recebem os primeiros atendimentos. Dentre as vítimas estaria incluso o diretor da cadeia.

© Diário do Nordeste

©Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.

UMA VÍTIMA BALEADA Ex-coordenadora do Sistema Penitenciário do Ceará têm residência metralhada. A quadrilha utilizou armamento de grosso calibre, como fuzil e submetralhadora. Nenhum suspeito foi localizado.

A residência de uma  agente penitenciária , ex-coordenadora do Sistema Penitenciário do Ceará , foi alvo de um ataque criminoso na tarde de...