sexta-feira, 9 de junho de 2017

VIOLÊNCIA Assessora parlamentar de deputado é fuzilada na zona Oeste de Fortaleza. Subiu para 87 o número de mulheres assassinadas no Ceará em 2017. O mais recente caso de feminicídio ocorreu na manhã desta sexta-feira (9) na Zona Oeste de Fortaleza. Uma mulher de 29 anos, funcionária da Assembleia Legislativa, foi morta, a tiros, na calçada de um estabelecimento comercial em plena Avenida Mozart Lucena, no bairro Vila Velha.

Sandra Rafaela Jéfferson Bastos caiu morta na calçada de um ponto comercial, atingida por 5 tiros

 

O crime foi praticado em plena Avenida Mozart Gondim, diante de dezenas de pessoas

Sandra Rafaela tinha 29 anos

No site da AL, lista de funcionários ativos, consta o nome de Rafaela, cargo e lotação 

Subiu para 87 o número de mulheres assassinadas no Ceará em 2017. O mais recente caso de feminicídio ocorreu na manhã desta sexta-feira (9) na Zona Oeste de Fortaleza. Uma mulher de 29 anos, funcionária da Assembleia Legislativa, foi morta, a tiros, na calçada de um estabelecimento comercial em plena Avenida Mozart Lucena, no bairro Vila Velha.

Segundo as primeiras informações da Polícia no local do crime, a jovem retornava de uma academia de ginástica quando foi surpreendida pelo assassino e recebeu vários tiros de pistola à queima-roupa. Alguns dos disparos atingiram a cabeça. A mulher caiu morta na calçada diante de várias testemunhas. O atirador fugiu com um comparsa que pilotava uma motocicleta vermelha, cuja placa não foi revelada.  

Com a chegada da Polícia Militar no local do crime, a vítima foi identificada como sendo Sandra Rafaela Jefferson Bastos, 29 anos. Ela seria assessora parlamentar lotada no gabinete do deputado estadual Roberto Mesquita (PSD). Rafaela teria sido atingida por cinco disparos.

Crimes

Outra informação que surgiu no local revela que Sandra estaria supostamente, envolvida em crimes. O pai dela, conhecido por Antônio Lobo, bastante conhecido no bairro Quintino Cunha,foi também assassinado há cerca de três meses por conta de envolvimento com a prática de agiotagem.

A Polícia recebeu também a informação de que Sandra seria companheira de um traficante de drogas da região onde ocorreu o crime. Ele foi identificado como José Bergson da Silva Correia, conhecido por “Merdinha”, que controlaria o tráfico de drogas nos bairros Quintino Cunha e Vila Velha.

Policiais da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) estiveram no local do crime e iniciaram as investigações preliminares sobre o caso.

Em sua página no Facebook, a vítima se identificava apenas como Rafaela Bastos e nas informações sobre sua profissão foi postado que ela era secretária na Assembleia Legislativa. Na página da AL com a relação dos funcionários da Casa consta o nome de Sandra Rafaela Jefferson Bastos como assessora de gabinete parlamentar (matrícula 021750) lotada no gabinete do deputado Roberto Mesquita. 

Jornalista Fernando Ribeiro Copyright 2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário

4,3 TONELADAS Apreensão de drogas neste ano supera todo 2016. Em contrapartida, permanece o aumento de pessoas assassinadas vítimas do tráfico de entorpecentes no Ceará.

Ontem, a delegada Ana Cláudia Nery e o delegado Lucas Aragão divulgaram as últimas operações da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas ( F...