terça-feira, 5 de setembro de 2017

PM qualifica tropa de Apoio Tático para enfrentar a bandidagem nas ruas de Fortaleza

Policiais passaram por intensos treinamentos para o combate ao crime na Grande Fortaleza

Uma solenidade marca, nesta terça-feira (5), a conclusão do curso de nivelamento e aperfeiçoamento para policiais militares do Ceará integrante das patrulhas da Força Tática de Apoio (FTA) dos batalhões e companhias da Corporação sediadas na Capital e nos Municípios da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).  A solenidade está marcada para esta tarde, a partir das 16 horas, no Quartel do Comando-Geral da PM, no Bairro de Fátima.

O curso foi realizado para treinar com mais qualificação os policiais que compõem as patrulhas responsáveis por dar o primeiro suporte às demais viaturas do Policiamento Ostensivo Geral (POG). Em todos os batalhões e companhias do POG há patrulhas de FTA.

O treinamento foi realizado na Academia Estadual da Segurança Pública (Aesp) e contou com diversos treinamentos táticos ministrados pelo Comando do Policiamento Especializado (CPE). O objetivo é dotar essas equipes de mais recursos para o enfrentamento ao crime organizado.

Os militares passaram por treinamento e simulações de abordagens a veículos comuns, coletivos, carros-fortes, além de serem treinados em situações que exigem invasão tática e outras situações comuns no dia a dia do patrulhamento nas ruas.

Interior

Não se trata de uma nova tropa de elite da PM. São policiais que já estavam nas ruas e que passaram por uma maratona de treinos de aperfeiçoamento para o combate direto à criminalidade.

Com a conclusão do curso para as equipes de FTA da Capital e RMF, o passo seguinte será qualificar as patrulhas de apoio dos batalhões e companhias do Interior do estado.

As FTAs dão o primeiro apoio às patrulhas do policiamento ordinário, em casos de perseguições (cerco inteligente), abordagens a veículos e em imóveis e outras ocorrências usuais.

Tropas especiais

As tropas de elite da Polícia Militar são formadas por homens dos seguintes batalhões: de Policiamento de Choque (BPChoque), de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio), de Policiamento de Eventos (BPE), de Policia de Meio Ambiente (BPMA), de Policiamento Turístico (BPTur), além do Regimento de Polícia Montada (RepMont) e da Ronda Com Cães (Roca)/Canil.

A principal tropa de elite da PM é a do Batalhão de Choque/BPChoque, formado por cinco companhias: Gate (Grupo de Ações Táticas Especiais), Cotam (Comando Tático Motorizado), CDC (Controle de Distúrbios Civis), Cotar (Comando Tático Rural) e CPCães (Canil).

Um estudo do Comando-Geral da PM e já encaminhado ao Governo do Estado prevê a criação de, ao menos, três novos batalhões de Polícia de Choque (BPChoque) no Ceará, que serão  subordinados a um Comando de Policiamento de Choque (CPChoque). 

Jornalista Fernando Ribeiro Copyright 2016

Até o fim de dezembro reforço da segurança em Fortaleza terá duas torres de vigilância blindadas

SIRENE ABERTA Fernando Ribeiro Cada torre terá nas ruas do seu entorno dezenas de câmeras de altíssima potência Estão aceleradas as obra...