quarta-feira, 27 de setembro de 2017

Policiais de Ceará e Pernambuco descobrem pistas sobre assassinato de travesti

"Pâmela" desapareceu de Juazeiro do Norte (CE) e foi encontrada morta em Moreilândia (PE)

Policiais do Ceará e de Pernambuco trabalham juntos para tentar desvendar o mistério em torno do assassinato do travesti Pedro Damião Coelho, 29 anos, que usava o nome de “Pâmela”, cujo corpo foi encontrado com sinais de tortura e marcas de tiros na última segunda-feira, naquele estado vizinho. Ontem (26), os agentes dos dois estados encontraram pistas que podem levar a um suspeito.

Segundo o relato de outros travestis que faziam “ponto” no mesmo local que a vítima, na periferia de Juazeiro, no sábado à noite (23) “Pâmela” discutiu com um cliente por causa de um “programa” sexual no valor de R$ 200,00. No dia seguinte, o homem reapareceu e deixou o local com o travesti. Depois disso, “Pâmela” não foi mais vista. Na segunda-feira à tarde a família dele, residente em Juazeiro, recebe a informação da localização do corpo do Município de Moreilândia (PE).

Para a Polícia ainda há uma suspeita de que “Pâmela” pode ter sido morta em território cearense e o corpo “desovado” em Pernambuco para dificultar o trabalho de investigação.  A Polícia tomou o depoimento de alguns travestis que eram amigos da vítima e atuavam juntos no mesmo local em Juazeiro do Norte.

O corpo de Pedro Damião Coelho foi encaminhado para o Instituto Médico Legal da cidade de Petrolina (PE), onde foi necropsiado e ontem sepultado em Juazeiro do Norte (CE).

Veja outros casos de travestis mortos no Ceará em 2017:

1 – (30.01) – O corpo do travesti João Paulo de Sousa, 30 anos, conhecido como “Paola”, foi encontrado com marcas de violência. Ele foi morto a pauladas às margens da BR-116, no Município de Russas, na região do Vale do Jaguaribe. Crime misterioso.

2 – (12.02) Hérika Izidório – Espancada e jogada do alto de uma passarela localizada na Avenida José Bastos, morreu semanas depois no IJF-Centro.

3 – (20.02) - Antônio Cleílson Ferreira de  Vasconcelos, a “Dandara”, morreu após sofrer espancamentos e tiros, além de ter sido arrastado por ruas do bairro Bom Jardim. Os assassinos filmaram toda a cena do crime postaram as imagens nas redes sociais.

4 – (19.04) – Antônio Cristiano da Silva, a “Priscilla”, agredido a pauladas e chutes na Avenida Juscelino Kubisthchek, no bairro Castelão. Morreu dias depois no IJF-Centro.

5 – (8.05) – Jéferson Kauã Holanda, a “Jennifer”, morta a tiros dentro do escritório do Sine/IDT na cidade de Itaitinga.

6 – (15.05) – O travesti Francisco Carlos de Miranda, a “Ketlin”, foi morta a golpes de faca nas proximidades do Terminal Rodoviário da cidade de Juazeiro do Norte, no Cariri.

7 – (29.05) – Antônio Carlos Gomes da Silva, 42 anos, assassinado a tiros na  Rua Marcos Couto, no bairro Picuí, em Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).

8 – (15.06) – Travesti assassinado no Conjunto Tupinambá, em Caucaia. Corpo estava semidespido e com várias marcas de violência, indicando a suspeita de um crime sexual.

9 – (25.06) – Travesti identificado como Antônio José de Lima Santos, 25 anos, conhecido como “Salomé”, foi assassinado, a tiros, ao sair de uma casa de forró, na cidade de São Luís do Curu.

10 – (02/07) – Travesti Fábio Carlos da Silva, conhecido por”Rayanne”,  foi morto, a tiros, na cidade de Horizonte. Crime ocorreu no bairro Mangueiral.

11 – (25/09) – Corpo do travesti cearense Pedro Damião Coelho, conhecido por “Pâmela”, 29 anos, é encontrado no Município de Moreilândia, em Pernambuco. Suspeita-se3 que ele tenha sido seqüestrado em Juazeiro do Norte (CE) e levado para o local onde o corpo foi localizado.

Jornalista Fernando Ribeiro Copyright 2016

CADEIA PÚBLICA Presos de Guaraciaba do Norte poderão ter pena reduzida por meio da leitura. Segundo decisão da titular da Comarca do município, a leitura contribui no processo de reinserção social.

Além de realizar a organização do trabalho, os presos deverão se limitar ao conteúdo do livro recebido por eles ( Foto: divulgação/TJCE )...