sexta-feira, 6 de outubro de 2017

Polícia cerca agência da Caixa em Pacajus com suspeitas de gerente ter sido sequestrado

Viaturas do Comando Tático Motorizado (Cotam) isolaram o quarteirão onde fica o banco

O Centro da cidade de Pacajus, na Região Metropolitana de Fortaleza 9ª 49Km da Capital) está fechado pela Polícia Militar. Viaturas do Batalhão de Polícia de Choque cercam um quarteirão inteiro onde está localizada a agência da Caixa Econômica Federal. O motivo seria um assalto com seqüestro, (conhecido por “sapatinho” na linguagem policial). O gerente da agência teria sido seqüestrado  por uma quadrilha e ainda estaria em poder do bando.

Segundo as primeiras informações da Polícia, a agência teria sido cercada porque uma filha do gerente teria ido à agência na companhia de um dos integrantes da quadrilha para receber o dinheiro exigido pelos ladrões. Como o prédio está lotado de clientes e funcionários, policiais do grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) e do Comando Tático Motorizado (Cotam) estão neste momento fazendo uma varredura no prédio e identificando cada uma das pessoas antes de liberá-las para deixar o local.

O “pente fino” é comando por oficiais do Gate, especialistas em gerenciamento de crise, e no local também está estacionada uma viatura do esquadrão Anti-bombas” do BPChoque.  O Centro da cidade está parado devido à movimentação policial, que conta com o apoio de um helicóptero da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer).

Jornalista Fernando Ribeiro Copyright 2016

CADEIA PÚBLICA Presos de Guaraciaba do Norte poderão ter pena reduzida por meio da leitura. Segundo decisão da titular da Comarca do município, a leitura contribui no processo de reinserção social.

Além de realizar a organização do trabalho, os presos deverão se limitar ao conteúdo do livro recebido por eles ( Foto: divulgação/TJCE )...