quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Quixadaense Rony Jason é demitido do UFC, afirma site norte-americano


De acordo com a publicação do site norte-americano MMA Fighting o lutador cearense Rony Jason foi demitido do UFC. A publicação ocorreu no último dia 10 quando a reportagem abordou a notícia de que o lutador teria agredido a irmã durante um evento em Quixadá.

A última luta de Jason aconteceu em março deste ano no UFC Fortaleza. O lutador vem em uma má fase desde 2014, quando venceu seu último combate, e acumula três derrotas e uma luta sem resultado após ser pego no anti-doping.

A matéria do MMA Fighting: “UFC featherweight Rony Jason was released from the organization after suffering three losses in his last four bouts,” the UFC statement read. Em tradução simples “O peso-pena UFC Rony Jason foi liberado da organização depois de sofrer três derrotas em suas últimas quatro lutas”, dizia a declaração do UFC.

O UFC costuma “dispensar” os lutadores que ostentam resultados negativos em sequência, e também possui um código de conduta que precisa ser seguido fora do octógono.

No entanto na manhã desta terça-feira (17) o atleta ainda consta no site oficial do Ultimate Fighting Championship – UFC – como membro da organização na categoria Peso-Pena.

Reproduzido por: Banabuiú é Notícia/ Créditos: Monólitos Post

32 ANOS Foragido do Ceará, 'Rafael Xilito' é preso no Rio Grande do Norte. Ele é apontado como líder de uma quadrilha especializada em roubo e clonagem de veículos.

O suspeito, apontado como líder de uma quadrilha especializada em roubo e clonagem de veículos, era procurado pelas forças de segurança do...