sábado, 13 de janeiro de 2018

ESTADO DO CEARÁ Gasolina do Ceará é a mais cara do Nordeste, aponta pesquisa da ANP. Combustível cobrado em Fortaleza também é o mais alto dentre as capitais nordestinas e a quarta do País.

Preço médio do combustível no Ceará é de R$ 4,342.
(Foto: Reprodução/TV Verdes Mares)

O valor médio da gasolina do Ceará para o consumidor final é o mais alto do Nordeste, segundo levantamento divulgado nesta sexta-feira (12), pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

De acordo com a ANP, o preço médio do combustível no estado é de R$ 4,342. Outro levantamento da ANP aponta Fortaleza tendo a gasolina mais cara do Nordeste e a quarta com preços mais altos do Brasil. Valor médio da gasolina é de R$ 4,375.

Preço da gasolina nos estados do Nordeste

EstadoPreço1º CearáR$ 4,3422º AlagoasR$ 4,2393º SergipeR$ 4,1934º Rio Grande do NorteR$ 4,1515º PiauíR$ 4,0896º BahiaR$ 4,0557º PernambucoR$ 4,0228º ParaíbaR$ 3,9109º MaranhãoR$ 3,823

Fonte: Agência Nacional do Petróleo

A ANP também realizou pesquisa em 218 postos de combustível de 13 cidades do Ceará contando com Fortaleza. Além de Fortaleza foram analisadas os valores do combustível nos municípios de Canindé, Caucaia, Crateús, Crato, Icó, Iguatu, Itapipoca, Limoeiro do Norte, Juazeiro do Norte, Quixadá, Sobral e Maracanaú.

O preço mais alto foi identificado no Crato onde o preço médio ficou em R$ 4,541. Logo atrás aparecem Juazeiro do Norte com R$ 4,406 e Limoeiro do Norte com R$ 4,340. Na capital cearense foram pesquisados 101 postos de combustível.

Preço médio da gasolina em dez cidades cearenses

CidadesPreço1º CratoR$ 4,5412º Juazeiro do NorteR$ 4,4063º FortalezaR$ 4,3754º Limoeiro do NorteR$ 4,3405º CaucaiaR$ 4,3396º ItapipocaR$ 4,3347º SobralR$ 4,2378º QuixadáR$ 4,1939º IguatuR$ 4,16910º CanindéR$ 4,158

Fonte: Agência Nacional do Petróleo

Cenário nacional

O preço médio da gasolina para o consumidor final subiu pela 11ª semana seguida e chegou a R$ 4,183, segundo dados divulgados nesta sexta-feira (12) pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Nesta semana, o avanço foi de 0,77%. Na mesma semana, a Petrobras subiu o preço da gasolina das refinarias em 0,74%, seguindo sua política de preços que reajusta os valores quase diariamente, com o objetivo de acompanhar as cotações internacionais. O repasse ou não para o consumidor final depende dos postos.

A semana foi marcada por recorde dos preços internacionais do petróleo. Na quinta-feira (11), o barril chegou a bater a marca de US$ 70 pela primeira vez em três anos. Na semana, a alta do preço do Brent, usado como referência internacional, foi de 3%, com o barril cotado a US$ 69,87.

Em 2018, o preço da gasolina já acumula alta de 2%. Desde a adoção da política de preços da Petrobras e do aumento dos impostos sobre os combustíveis, em julho de 2017, o preço da gasolina acumula alta de 19% nas bombas, ainda considerando a média calculada pela ANP.

Preços dos combustíveis

Valor por litro, na média nacional

em R$gasolinadieseletanol22/415/707/1030/1220/517/612/88/93/112/1222,533,544,5

Fonte: ANP

A semana foi marcada ainda por elevação do preço médio do diesel, que passou de R$ 3,356 para R$ 3,368 - um avanço de 0,35%, na mesma semana em que a Petrobras reduziu o preço em 0,4% nas refinarias. No ano, o diesel já subiu 1,26% nas bombas, ainda considerando dados da ANP.

Já o etanol subiu 0,57%, de R$ 2,946 para R$ 2,963 por litro, acumulando alta de 1,75% nas duas primeras semanas de 2018. Enquanto isso, o preço do botijão de gás de cozinha subiu 0,11% na semana, de R$ 67,20 para R$ 67,28. No entanto, no ano há queda acumulada de 0,2%.

globo.com

© Copyright 2000-2018 Globo Comunicação e Participações S.A.

BOLETIM POLICIAL VALE DO JAGUARIBE - 18/01/2018: Invasão a residencia e roubo em Russas e furto em residência em Limoeiro do Norte

Conforme informações da Policia Militar, nesta quarta-feira, dia 17, por volta das 07 horas, numa Fazenda localizada na comunidade de Açude...