Amigos de Plantão

Onde a notícia chega primeiro!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

quinta-feira, 22 de março de 2018

CEARÁ: Assembleia Legislativa faz homenagem aos 14 anos de criação do Batalhão Raio

Coronel Ronaldo Viana (comandante-geral da PM) e  tenente-coronel Márcio Oliveira (BPRaio) foram homenageados durante a solenidade realizada na tarde de ontem no Plenário da AL

Uma solenidade realizada no Plenário da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará, na tarde desta quarta-feira (21), marcou os 14 anos de fundação do Batalhão de Rondas Intensivas e Ostensivas (BPRaio), modalidade de policiamento sobre duas rodas que se tornou uma referência nacional. O ato teve a presença do comandante-geral da Polícia Militar do Ceará, coronel Ronaldo Viana; e do comandante do BPRaio e seu fundador, tenente-coronel Francisco Márcio Oliveira.

A sessão foi realizada por requerimento do deputado estadual Manuel Duca da Silveira (PDT) e contou com a participação de vários parlamentares, além de representantes de entidades de defesa dos policiais militares cearenses, autoridades civis e militares.

Há 14 anos, o Raio entrou em ação no policiamento ostensivo de Fortaleza como sendo apenas uma pequena fração de tropa motorizada. Foi uma inovação que o então tenente Márcio Oliveira trouxe para o Ceará após participar de um Curso de Motopatrulhamento na PM do estado de Goiás. Passado todo esse tempo, o Raio acabou se transformando numa das unidades mais eficientes no combate diário à criminalidade e campeã absoluto na apreensão de armas de fogo no estado.

Cidades

Hoje, o BPRaio está presente em praticamente todo o estado do Ceará, com Companhias instaladas em quartéis em cidades como Juazeiro do Norte, Sobral, Iguatu, Quixadá, Caucaia e Maracanaú. Do pequeno efetivo inicial hoje conta com mais de 1.500 militares, e o efetivo deve crescer até o fim do ano, com o ingresso de novos PMs após uma rigorosa seleção e treinamento intensivo de pilotagem, tiro policial e outras disciplinas operacionais e disciplinares, além de uma rígida doutrina.

Em seu discurso, Márcio lembrou dos policiais do batalhão que perderam a vida nestes 14 anos, no combate ao crime. “Esses homens jamais serão esquecidos. Deixamos aqui o nosso abraço às suas famílias ”.


Por Fernando Ribeiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário